Jornal italiano diz que Itália e França estudam união de Fiat e Peugeot-Citroën

O jornal italiano Milano Finanza informou neste sábado que França e Itália estão considerando uma potencial união entre as montadoras Peugeot-Citroen e Fiat. Coicidentemente, a informação surge após dois dias depois de Sérigo Marchionne, executivo-chefe da Fiat, afirmar que a montadora italiana precisa encontrar um parceiro para sobreviver à crise que enfrenta a indústria automobilística. Segundo o jornal, o primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, trabalham sobre a questão da possível fusão, citando fontes próximas ao gabinete de Berlusconi. A fusão com a Peugeot poderá ser discutida quando John Elkann, diretor da holding IFI, controladora da Fiat, se encontrar com Berlusconi na quarta-feira, afirmou o jornal. Um porta-voz do gabinete de Berlusconi disse que não há comentários oficiais sobre a reportagem. O porta-voz da Fiat não comentou o assunto. Analistas afirmam que uma fusão Peugeot-Fiat faria sentido comercial já que ambas as empresas têm posições fortes no mercado de carros pequenos. Elas também têm joint ventures no mercado de veículos comerciais e mini-vans. A fusão faria da Fiat-Peugeot-Citroen a quarta maior fabricante de automóveis do mundo em produção, depois da Toyota, GM e Ford-Mazda, dividindo a colocação com a Renault-Nissan e a VW. Fonte: Reuters / Uol

Compare preços: Fiat Punto, Fiat Stilo, Fiat Palio, Novo Gol, Novo Voyage, VW Polo, VW Fox, Corsa, Celta, Fiesta, Ford KA, Fiat Palio, Fiat Punto

Seja parte de algo grande