Caminhoneiros que obedeciam sinalização em SP foram multados por radar - CET não irá cancelar multas

Sinalização de trânsito errada na Marginal Pinheiros Uma grave falha de sinalização de trânsito na Marginal do Rio Pinheiros, no sentido de Interlagos, gerou centenas de multas para caminhoneiros que trafegam por ali diariamente. Enquanto uma placa instalada pela Companhia de Engenharia de Tráfego na Ponte do Jaguaré, 200 metros antes da Raia Olímpica, indicava para que os caminhões seguissem pelas faixas 3 e 4 em direção ao Sul, um radar pouco mais à frente estava multando os caminhões que "obedeciam" a sinalização. É fácil entender o problema: os radares estão programados para que os caminhões não sejam multados apenas nas faixas da direita, ou seja, isso ocorreria nas faixas 6 e 7. Mas a placa da CET não diz isso, além do que, se os caminhões passassem pela Raia Olímpica apenas pelas faixas 6 e 7, sérios problemas iriam ocorrer na aproximação da Ponte Cidade Universitária, onde a Marginal volta a ter apenas 4 faixas.
Caminhoneiros que obedeciam sinalização em SP foram multados por radar - CET não irá cancelar multas
Sinalização errada removida pela CET Nesta semana, a CET retirou a placa, o que de fato é o reconhecimento do erro, mas informou que não irá cancelar as multas, o que é um verdadeiro absurdo e desrespeito com o cidadão. Ao mesmo tempo em que temos que enfrentar trânsito, buracos e assaltos, pagamos diversos impostos e taxas (com IPVA, IPTU, pedágios etc.) ainda temos nossos direitos desrespeitados. Enquanto esta verdadeira palhaçada continua, a recomendação é para que todos que foram multados entrem com recurso pedindo o cancelamento da multas. As duas fotos podem ser usadas como provas de que a CET de SP errou, e continua errando ao não cancelar as multas. A Rádio SulAmérica Trânsito (92,1 FM), que foi o primeiro meio de comunicação a identificar o problema junto aos caminhoneiros, divulga constantemente em sua programação a situação, inclusive com o aguardo de um novo posicionamento da CET, frente a este problema. Fonte: Rádio SulAmérica Trânsito / ABETRAN

Seja parte de algo grande