Também deve chegar no Brasil: Holden confirma desenvolvimento da versão hatch do Cruze

A Holden, subsidiária australiana da General Motors, confirmou que está trabalhando em uma versão hatchback do sedan Cruze. A Holden será responsável pelo design e engenharia da nova versão do Cruze. A boa notícia é que o modelo será vendido nos mercados globais da GM, assim como o sedan, o que também inclui o Brasil.
Também deve chegar no Brasil: Holden confirma desenvolvimento da versão hatch do Cruze
Clique na imagem para ver em alta resolução O Cruze hatch começará a ser produzido no terceiro trimestre de 2010 e com início das vendas em seguida em diversos mercados globais da GM. Na Austrália, o Cruze hatch será posicionado no segmento de mercado que anteriormente era ocupado pelo Opel Astra. A Holden foi forçada a deixar de importar o Astra após as taxas de câmbio se tornarem infavoráveis, o que estava tornando o lucro praticamente impossível. O mesmo aconteceu nos EUA, que deixou de importar o modelo europeu que por lá era vendido com Saturn Astra. No Brasil Caso a versão hatchback do Cruze realmente seja lançada no Brasil, poderemos ter um reposicionamento da seguinte forma, inclusive dos preços: - Vectra Sedan ocupando o lugar do Astra Sedan - Vectra GT (Hatch) ocupando o lugar do Astra Hatch - Chevrolet Cruze assumindo a atual posição do Vectra - Chevrolet Cruze Hatch assumindo a atual posição do Vectra GT Esta dedução se deve ao fato da marca já ter iniciado um reposicionamento de preços da linha Vectra, deixando praticamente no mesmo patamar do Astra. Um exemplo é o Vectra Next Edition Expression, oferecido com preços em torno de R$ 48 mil, mesmo valor pedido no Astra Sedan 0km (encomenda). O mesmo poderá acontecer com o Vectra GT, sendo reposicionado ao valor do atual Astra hatch, ou seja, cerca de R$ 45 mil. Este reposicionamento abriria espaço para a chegada do Cruze sedan e hatch, com preços em torno dos R$ 60 mil. E vocês leitores, acham que este reposicionamento é viável?

Seja parte de algo grande