Banco Central muda regras e exige entrada maior em financiamento de veículos

Para reduzir a risco do aumento de inadimplência, o Banco Central anunciou novas regras para o financiamento de veículos. A partir desta segunda-feira, 06 de dezembro, o consumidor terá que dar uma entrada maior em financiamentos com prazos superior a 24 parcelas. A partir de agora, quem for comprar um carro e com financiamento com parcelas entre 24 e 36 parcelas tem que dar uma entrada de pelo menos 20% do valor do automóvel. Já para o parcelamento entre 48 e 60 prestações, o valor exigido da entrada é de pelo menos 40%. Segundo Aldo Luiz Mendes, diretor de Política Monetária do Banco Central, as medidas foram tomadas por causa do aumento do risco de inadimplência em transações de longo prazo. Ele disse ainda que as vendas para pessoas jurídicas e os financiamentos de veículos de grande carga não serão afetadas. Até agora, o mercado automotivo fazia a festa oferecendo longos prazos para pagamento, e em alguns casos, sem entrada. Agora, a tendência é de uma forte de queda nas vendas.

Seja parte de algo grande