Jaguar comemora os 50 anos do E-Type

Neste ano, a Jaguar celebra o 50º aniversário de um dos veículos esportivos mais emblemáticos da história da indústria automobilística, o Jaguar E-Type. Apresentado pela primeira vez durante o Salão de Genebra de 1961, o modelo foi uma verdadeira sensação no evento. Na edição deste ano do evento suíço, o veículo percorrerá as mesmas ruas que fez há cinco décadas.
Jaguar comemora os 50 anos do E-Type
Para comemorar, a marca britânica de automóveis de luxo programou diversos eventos ao longo de 2011. O cronograma de celebrações terá início durante o Salão de Genebra, em março, e continuará dentro do festival anual de Goodwood. Além deles, também estão previstas ações dentro dos festivais de Pebble Beach Concours d’Elegance, na França, no Nurburgring Old Timer Grand Prix, na Alemanha além de outros eventos que contarão com a participação de clientes e concessionários.
Jaguar comemora os 50 anos do E-Type
Capaz de atingir 242 km/h e com preço muito inferior aos seus principais rivais com mesmas capacidades, o esportivo se consolidou de forma imediata como um autêntico ícone de sua época. O E-Type foi vendido entre 1961 e 1974 e ultrapassou as fronteiras do mundo do automóvel. O equilíbrio em suas proporções, sua forte presença e linhas o fizeram merecedor de um espaço permanente no Museu de Arte Moderna de Nova York.
Jaguar comemora os 50 anos do E-Type
“Meio século de desenvolvimento e progresso não foi suficiente para reduzir em nada a importância do E-Type”, ressalta Mike O’Driscoll, conselheiro da Jaguar Cars e presidente da Jaguar Heritage, organização que cuida da herança e história da marca britânica. “O veículo causou um verdadeiro frisson durante seu lançamento e continua até hoje sendo uma referência, um verdadeiro símbolo para a marca. O E-Type é simplesmente o veículo esportivo mais estimulante já criado. Mais que isso, ele sem dúvida representa um grande legado deixado pelo genial Sir William Lyons, fundador da marca”, complementa.
Jaguar comemora os 50 anos do E-Type
Fatos curiosos do E-Type • O E-Type foi apresentado pela primeira vez em 15 de Março de 1961, em evento realizado no Restaurant Hôtel Parc des Eaux Vives, em Genebra. O impacto foi tão grande entre os presentes, que todos pediram uma demonstração pelas ruas próximas ao restaurante. Sir William Lyons, fundador da Jaguar Cars, solicitou ao então chefe de provas, Norman Dawis, que trouxesse da fábrica em Coventry, Inglaterra, um outro exemplar até a Suíça. Norman dirigiu por toda a madrugada e as demonstrações começaram na manhã seguinte à apresentação. • O comendador Enzo Ferrari disse uma vez que “o E-Type era o veículo mais belo do mundo”. • O motor de cinco cilindros em linha, que depois viria a equipar o E-Type, proporcionou à Jaguar cinco vitórias nas 24 Horas de Le Mans, durante a década de 1950. Já a versão 3.8 litros, capaz de desenvolver 265 cavalos e 35,9 mkg de torque, impulsionava o veículo aos 242 km/h, velocidade que fazia do E-Type o veículo de série mais rápido do mundo para a época, marca já alcançada por seu antecessor, o XK 120. • Quando foi lançado no mercado, o E-Type custava £2.256,15, valor que hoje gira em torno de £38 mil (cerca de R$ 101 mil), no Reino Unido. • As proporções da carroceria do E-Type são obra de Malcolm Sayer, engenheiro aeronáutico que também aplicou seus conhecimentos no design de veículos como o C-Type e o D-Type, vencedores das 24 Horas de Le Mans. • O E-Type foi produzido por 14 anos e teve mais de 70 mil unidades comercializadas em todo o mundo. Tal fato o tornou o primeiro veículo esportivo produzido em série do planeta.

Seja parte de algo grande