Preferência por carros populares 1.0 cai entre os consumidores brasileiros

Se há alguns anos os veículos equipados com motorização 1.0 dominavam de maneira inquestionável o mercado brasileiro, uma tendência que começa a se consolidar nos últimos meses parece mudar este panorama. As vendas de janeiro trouxeram um sinal claro: pela 1ª vez em muito tempo os carros 1.0 não atingiram sequer 40% da preferência popular. De um total de 229.858 unidades de automóveis e comerciais leves comercializadas no mês passado, menos de 100 mil – ou 91.124, para ser exato – foram de modelos de baixa cilindrada. Em outras palavras, apenas 39,69% do total.
Preferência por carros populares 1.0 cai entre os consumidores brasileiros
Separando por categorias, os automóveis 1.0 ainda responderem por mais de 48% do mercado – este número havia sido de quase 50% em dezembro. Já os comerciais leves com motores menores (4.272 unidades) corresponderam a menos de 9% do total vendido. O aumento da renda dos brasileiros nos últimos anos e a facilidade de crédito parecem ser os grandes responsáveis por esta mudança de comportamento do consumidor ao entrar numa concessionária em busca do 0 km. E para você, os carros 1.0 estão com os dias contados? Ou isto é apenas efeito passageiro que será revertido ao menor sinal de uma possível crise financeira ou da simples redução da oferta de crédito pelas instituições financeiras? Por: Thiago Parísio - Fonte: Fenabrave

Seja parte de algo grande