Divórcio: Parceria entre Volkswagen e Suzuki pode ter chegado ao fim

Depois de inúmeros desentendimentos, a mal-sucedida parceria firmada entre a Volkswagen e a Suzuki parece ter de fato chegado ao fim. Segundo a agência de notícias Automotive News, a fabricante alemã deixou de classificar a Suzuki como “associada” do conglomerado. A relação entre as marcas já sofreu vários abalos desde 2009, quando a parceira foi estabelecida. No início do ano, por exemplo, os japoneses teriam ficado revoltados com a postura da VW, que afirmou que poderia “interferir de forma significativa nas decisões financeiras e operacionais” da Suzuki. Em setembro novamente as marcas entraram em atrito e chegaram inclusive a anunciar uma suposta separação depois de a Suzuki, supostamente, ter recebido motores a diesel da concorrente Fiat. Agora, porém, o acordo parece ter de fato chegado ao fim. A parceria entre as marcas foi estabelecida há dois anos com a compra de 19,9% das ações da montadora japonesa por aproximadamente 1,7 bilhão de euros (US$ 2,3 bilhões) pela Volks. A união tinha como propósito compartilhar tecnologias para o desenvolvimento de modelos compactos, no entanto o projeto não saiu do papel. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Automotive News

Seja parte de algo grande