Crise, que crise? Governo italiano encomenda 19 Maserati Quattroporte

Num momento em que a Europa e o mundo discutem a grave crise econômica que atinge a Grécia e que ameaça também chegar com força à Itália e a Espanha, surpreende a notícia de que o Ministério da Defesa italiano encomendou nada menos que 19 Maserati Quattroporte top de linha para funcionários do governo. Para um Ministério cujo corte de gastos estimado para os próximos 3 anos chega a US$ 3,5 bilhões a despesa é altamente questionada pela oposição ao governo do premier Silvio Berlusconi. “Num momento em que milhões de italianos estão prestes a ser afetados por uma grave crise econômica, há uma boa razão para o ministro da defesa em adicionar 19 Maseratis blindados?”, questiona Emanuele Fiano, deputado opositor ao governo. Já o ministro Ingazio La Russa defende a aquisição, já que os veículos teriam sido pagos com fundos do orçamento 2008-2009 (antes dos cortes anunciados). O ministro ainda usou um discurso “patriótico” para defender a compra: "Qual é o problema? Maseratis são italianos e eles custam menos do que seus equivalentes alemães”. Alguma semelhança com outras nações? A discussão está aberta! Por: Thiago Parísio / Fonte: Carscoop

Seja parte de algo grande