Cenário difícil afeta produção da Toyota

A Toyota admitiu que manterá fechadas 21 fábricas de automóveis e componentes até segunda ordem. Diante da difícil situação em que se encontra por causa dos incidentes ocorridos no Japão, os esforços para a retomada têm-se mostrado complicados. Fornecedores estão sofrendo as consequências por conta da não reposição de seus suprimentos. Para dificultar ainda mais o quadro o país sofre com a falta de energia, depois que as usinas nucleares foram desativadas. O fechamento das unidades não só afetou o embarque de veículos para outros países, como fez com que outras montadoras interrompessem suas próprias produções. As unidades da GM na Espanha e Alemanha ficarão paradas durante esta semana em razão da falta de peças produzidas no Japão para o Corsa. A linha de montagem coreana também poderá ser afetada. Já nos EUA, a fabricação de picapes foi suspensa, no estado da Louisiana, devido à ausência de peças importadas do Japão. Por: Michelle Sá / Fonte: Automotive Busines

Seja parte de algo grande