Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste

Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Do antigo, só sobrou o nome e o estepe pendurado. Assim podemos definir a nova geração do EcoSport lançada oficialmente no dia (04) deste mês. O CARPLACE esteve presente no lançamento oficial, que aconteceu em Natal - RN, e testou o Novo EcoSport 1.6 Freestyle e a 2.0 Titanium. Confira a seguir as impressões ao dirigir e também os detalhes em uma galeria de fotos em alta resolução.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Clique nas imagens para ver em alta resolução Agora como projeto global, a Ford não economizou no design e na tecnologia para o modelo. A nova geração do utilitário agrada logo de cara, pelo seu visual moderno alinhado aos recentes lançamentos da marca, pelos itens de série desde a versão básica e pelo seu comportamento dinâmico. Visual externo
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
A Ford não poderia decepcionar, ainda mais agora que o EcoSport se tornou um veículo global e que também será vendido em mais de 100 países. O visual atual não traz nenhum traço do modelo anterior, ostentando agora um desenho moderno, de características próprias e em sintonia com a sua identidade global. A começar pela parte dianteira, o Novo EcoSport conta com uma grade no formato hexagonal que recebe acabamentos diferentes de acordo com a versão, podendo ser cromado ou em tom fosco. O conjunto ótico traz faróis que, além do novo desenho, também inovam no segmento ao contar com LEDs desde a versão de entrada. O capô alto tem ressaltos nas laterais que contribuem com a aerodinâmica.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Na lateral, a linha de cintura é alta e o desenho traz um vinco ascendente que se integra com as lanternas. Na parte inferior, outro vinco faz o chamado efeito luz e sombra, que realça o desenho geral, enquanto um aplique plástico logo abaixo dá um toque de robustez e também ajuda na aerodinâmica. Outro detalhe na lateral são os novos retrovisores com as setas integradas e que agora estão fixados na porta.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
A traseira traz o estepe na tampa, o qual a marca decidiu manter para preservar a identidade do modelo. As lanternas possuem desenho na horizontal, com linhas modernas, e a do lado direito ainda conta com a maçaneta "oculta" para a abertura do porta-malas. Detalhe para abertura com acionamento elétrico. Para otimizar a passagem do evento, a Ford inseriu um defletor na ligação entre os vidros espia e o traseiro. Na parte inferior o para-choque abriga os refletores laterais. Acabamento interno
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Na parte interna, somente o símbolo do oval azul no volante permaneceu da geração anterior. O painel novo desenho com linhas semelhantes ao do New Fiesta, em dois níveis, com variações de tonalidade. A sua composição é de plástico rígido, mas que se apresenta com boa qualidade. O quadro de instrumentos tem o padrão de iluminação em tom azul e branco que confere excelente visibilidade, tanto à noite como durante o dia.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Na área central do painel, a tela da central multimídia SYNC, que é item de série em todas as versões, exibe informações do carro, como notificação de portas abertas, ajustes, distância dos objetos identificados pelos sensores de estacionamento além do sistema de telefonia e entretenimento. Próximo do freio de mão estão as entradas USB e auxiliar além de uma tomada de 12V.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
As saídas de ar foram criadas especificamente para o modelo, com desenho próprio e nada do "padrão" circular presente em quase todos os carros recentes. Mais abaixo estão os comandos do ar condicionado de formato circular e com bom acesso, que mesmo sem saídas na parte traseira, atende bem os passageiros que vão atrás com boa distribuição do ar climatizado. Nas portas, os botões de acionamento dos vidros estão bem posicionados, assim como o de ajuste dos retrovisores, mas a Ford não aplicou tecido nos revestimentos. Os bancos acomodam bem os passageiros e possuem espuma na densidade ideal. Os ajustes do banco do motorista são facilitados pelas alavancas (não mais roldanas) e possui até ajuste lombar. O único ponto que incomodou foi o apoio de cabeça, que por ser inclinado demais para a frente, causa um certo desconforto. Os bancos traseiros, onde viajam confortavelmente duas pessoas, mas que acomoda três, agora contam com um sistema que permite reclinar o encosto, de forma semelhante ao de avião, o que possibilita viajar com mais conforto. Há bom espaço para as pernas e todos os bancos contam com encosto de cabeça e cintos de três pontos. Motores e versões
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Como falamos na matéria anterior, o Novo EcoSport chega equipado com o motor 1.6 Sigma Flex com bloco e cabeçote de alumínio de 16 válvulas que entrega 115 cv a 5.500 rpm e 15,9 kgfm de torque a 4.750 rpm e também com o 2.0 16V Duratec Flex que gera 147 cv a 6.250 rpm e torque de 19,7 kgfm a 6.250 rpm. Inicialmente as versões disponíveis do EcoSport são a 1.6 S, 1.6 SE, 1.6 Freestyle, 2.0 Freestyle e a top de linha 2.0 Titanium. Confira aqui os itens de série e preços de cada versão do Novo EcoSport. Dirigindo o Novo Ford EcoSport 2013
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Ao tomar assento no banco do motorista logo nota-se a evolução. Novo volante com boa empunhadura, novos bancos e boa visibilidade traseira, mesmo com o estepe pendurado, porém, a coluna A tira um pouco da visão diagonal. Encontrar uma posição confortável para dirigir é fácil graças aos ajustes de altura e profundidade do volante e de altura e até lombar do banco do motorista. Ao girar a chave e iniciar as primeiras manobras, duas impressões iniciais são fortes: nem se ouve o trabalho do motor e a leveza do volante.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Ao iniciar o teste, partindo da região do Parque das Dunas em Natal com destino à Praia de Pipa, o Novo EcoSport não deixa dúvidas de que se trata de um carro completamente novo. Nenhum aspecto de dirigibilidade da versão anterior está presente nesta nova geração. A direção com assistência elétrica vai ganhando peso adequando conforme a velocidade aumenta. Nas manobras, fica extremamente leve, o que deve agradar muito o público feminino. A aerodinâmica do novo desenho é realmente funcional, quase anulando por completo o barulho de arrasto do vento. A suspensão, também completamente nova, tem bom acerto entre o conforto e estabilidade. Entrar mais forte em uma curva não causará o mesmo desconforto da antiga geração, graças em parte pelo trabalho dos sistemas de controle de estabilidade e tração. Passar em buracos e valetas também não é mais problema para o modelo. Durante o percurso do teste, voluntariamente ou não (por falta de sinalização), forçamos a passagem por lombadas e a suspensão deu conta do recado sem bater. A mudança é realmente significativa.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Na primeira parte do teste dirigimos a versão que deve ser a mais vendida do modelo: a 1.6 Freestyle. O motor 1.6 16V Sigma Flex que estreia na linha EcoSport se demonstrou suficiente para empurrar o utilitário. Trabalha de forma eficiente em conjunto com o bom câmbio manual de cinco marchas, o mesmo utilizado no New Fiesta. Direto ao ponto, é um motor que dá conta do recado e, na versão Freestyle, se mostra a melhor relação custo-benefício. Na segunda parte do trajeto testamos a versão top de linha, a Titanium, a qual vem somente equipada com o motor 2.0 e inicialmente apenas com o câmbio manual de cinco marchas. Como esperado, o Novo EcoSport com este propulsor fica muito mais esperto e ágil. Rodando a 120 km/h, o motor trabalha de forma suave com giro em torno de 3.100 rpm. Ultrapassagens e retomadas são feitas com muito mais tranquilidade.
Impressões ao dirigir o Novo Ford EcoSport 1.6 Freestyle e 2.0 Titanium 2013 - Veja fotos do teste
Considerações Esqueça o anterior. Totalmente novo, moderno e tecnológico são algumas das qualidades do Novo EcoSport. O visual imponente deve agradar tanto o público feminino quanto o masculino. Os itens de série e a tecnologia presente o colocam muito à frente dos atuais concorrentes. O conjunto mecânico agrada, ficou mais silencioso e mais confortável. Agrada também o posicionamento da Ford ao oferecer desde a versão de entrada os freios ABS, o duplo airbag e a direção com assistência elétrica. Peca em pequenos detalhes, como a visibilidade diagonal, peso das portas dianteiras e encosto de cabeça inclinado demais nos bancos dianteiros, mas isso não tira nem um pouco o brilho de tamanha evolução. Mesmo o preço sendo um pouco mais salgado do que o anterior, depois de conhecer e dirigir, não resta dúvidas do sucesso que o Novo EcoSport fará no mercado brasileiro. É um carro que surpreenderá quem já gostava do modelo e até quem não simpatizava com a geração anterior. É o tipo de carro que será vendido "do jeito que está" em outros mercados. Ficha Técnica - Novo EcoSport 2013 Preços, versões e itens de série - Novo EcoSport Galeria de Fotos - Novo Ford EcoSport 2013 Por Fábio Trindade, de Natal - RN Viagem à convite da Ford do Brasil

Seja parte de algo grande