Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular

Figura fácil nas ruas, o Fox sempre teve um certo "ar superior". Criado para substituir o Gol, ele era mais moderno e compartilhava plataforma com o Polo, mas no fim das contas acabou não sendo tão barato quanto a marca esperava e se inseriu num segmento acima, sendo que até 2014 ele será promovido a compacto premium. Ele passou pela primeira reestilização ganhando visual bem mais interessante, principalmente por dentro, e agora na linha 2013 ganha um pouco mais de refinamento. Avaliamos por uma semana a versão top de linha Prime equipada com o câmbio automatizado I-Motion e até teto solar.
Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular
Uma das principais reclamações da geração anterior foi resolvida: o interior. Novos painel, quadro de instrumentos, bancos e acabamento das portas com direito a tecido nas áreas de contato com o braço (antes era só plástico). Na linha 2013, as novidades ficam por conta do quadro de instrumentos com grafismos na cor branca iluminada por LEDs e pelas novas rodas. A unidade avaliada tinha volante multifuncional, detalhes internos em alumínio, o interessante computador de bordo i-System que agora também exibe informações do rádio/música, bancos com bom acabamento assim como todo o interior com aspecto moderno e funcional.
Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular
Rodando na cidade, o Fox 1.6 I-Motion chega a ser silencioso, considerando obviamente os concorrentes de seu segmento. No trânsito urbano, o motor 1.6 confere agilidade ao modelo com boas retomadas, e apesar de ser 8 válvulas, funciona de modo suave sem vibrações ou aspereza em excesso. A grande curiosidade do modelo avaliado foi a utilização do câmbio automatizado I-Motion. É um câmbio que realmente apresenta trancos, nada de exagerado, mas que é facilmente eliminado quando se "aprende" a utilizá-lo. Para conduzir de forma mais suave, basta simular a utilização de um câmbio manual convencional, aliviando o pé do acelerador ao "sentir" que fará a troca, ou ainda, aliviar o pé e trocar a marcha manualmente pelas borboletas no volante ou pela própria alavanca. Claro que não é igual a um câmbio puramente automático, mas é um meio termo interessante para abandonar a troca de marcha manual. A suspensão é bem firme, e alguns ruídos internos podem surgir em pisos ruins. A estabilidade geral é boa, mas nas curvas mais acentuadas paga-se o preço de ser "mais altinho" com a necessidade de redução da velocidade devido à inclinação da carroceria. Outra observação, que inclusive destacamos na avaliação do Fox 1.6 Prime 2010, é em relação à visibilidade diagonal um pouco prejudicada pelo tamanho da coluna "A".
Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular
Na rodovia, as retomadas são boas retomadas graças ao torque máximo que já ocorre a 2.500 rpm, porém em velocidades mais elevadas nota-se um pouco de flutuação, mas no uso mais comum em velocidades de 90 a 120 km/h o compacto tem comportamento dinâmico bem adequado. O nível de ruído na estrada está na média do segmento e não chega a incomodar.
Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular
Pelo preço base de R$ 42.340, o Fox 1.6 Prime sai de fábrica equipado com os freios ABS/EBD, airbag duplo, direção hidráulica, faróis de neblina, banco do motorista com regulagem de altura, iluminação no porta-luvas e computador de bordo. Como opcionais, a unidade avaliada contava com o KIT V (R$ 3.953) que adiciona alarme, ar-condicionado, chave estilo canivete com controle remoto, destravamento do porta-malas no controle remoto, espelho retrovisor externo com ajuste elétrico e rebatimento automático no lado direito ao engate da ré, rede de retenção de objetos no porta-malas, travamento central com controle remoto vidros elétricos além do teto solar elétrico (R$ 2.145) e pacote I-Trend com shift paddles (R$ 2.315) que agrega o CD-Player com MP3/SD-Card/Bluetooth e USB compatível com iPod, display multifuncional com I-System, rodas em liga-leve 15", volante de multifuncional em couro.
Avaliação: Volkswagen Fox Prime 1.6 i-Motion 2013 - Mais refinado, não quer mais ser um popular
Em resumo, o Fox é um compacto que mostra qualidade em quesitos importantes como a dirigibilidade, agilidade, qualidade de construção, interior funcional e bom acabamento. Peca pelo pequeno espaço no porta-malas e alto preço cobrado considerando a adição dos itens de série na versão de topo Prime. Ficha Técnica: Volkswagen Fox Prime 1.6 I-motion: R$ 42.340 (como avaliado: R$ 52.914) Motor: dianteiro, quatro cilindros, 8 válvulas, flex; Cilindrada: 1.598 cm3; Potência: 101/104 cv (G)/(A); Torque: 15,4/15,6 kgf/m; Transmissão: automatizada de cinco marchas, tração dianteira; Direção: hidráulica; Suspensão: Independente McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira; Peso: 1.088 kg ; Porta-malas: 260 l; Dimensões: comprimento 3.823 mm, distância entre-eixos 2.465 mm, largura 1.641 mm, altura 1.543 mm; Aceleração 0 a 100 km/h: 11,3/11,0; Consumo*: urbano 12,6 km/l e rodoviário 17,3 km/l com gasolina - urbano 8,5 km/l e rodoviário 11,7 km/l com etanol; Velocidade máxima: 183/184 km/h com gasolina/etanol *Dados do fabricante Galeria de Fotos: Fox 1.6 Prime I-Motion 2013

Seja parte de algo grande