Novo Corolla com câmbio CVT decepciona em teste nos EUA

Com lançamento previsto para março de 2014 no Brasil, o novo Corolla já chegou aos Estados Unidos. Embora por lá o visual seja diferente (o nosso seguirá as linhas do modelo europeu), a mecânica é a mesma e dá uma base do que podemos esperar da versão nacional. Pois bem, de acordo com o primeiro teste da conceituada revista Motor Trend, o Corolla S 1.8 16V com câmbio CVT deixou a desejar. Veja por quê.
Novo Corolla com câmbio CVT decepciona em teste nos EUA
Nos EUA o Corolla é um carro mais voltado aos jovens, o que explica existir por lá a versão esportiva S. Ela vem com rodas aro 17" pintadas de preto, borboletas no volante para trocas manuais e cores mais arrojadas, como esse vermelho metálico das fotos. Mas, segundo a Motor Trend, o "S" deveria ser de "Slow" (lento) e não de "Sport" como a Toyota sugere. Equipado com o mesmo motor 1.8 16V de 132 hp (134 cv) do modelo anterior, mas com a nova transmissão variável CVT no lugar da antiga caixa automática de quatro velocidades, o Corolla ganhou apenas 0,1 s de vantagem na aceleração de 0 a 60 mph (0 a 96 km/h), com 9,7 s. Segundo a publicação, com esse número o Toyota seguraria a lanterna da categoria ao lado do novo Sentra 1.8 16V (que no Brasil manterá o atual motor 2.0 16V).
Novo Corolla com câmbio CVT decepciona em teste nos EUA
Na aceleração de 0 a 402 metros (o famoso "quatro de milha" norte-americano), o novo Corolla repetiu o tempo da versão antiga, com 17,4 s. Mas o pior resultado veio nas provas de frenagem, em que a nova geração se arrastou por mais espaço que a antiga: percorreu 41,1 metros quando vindo a 96 km/h, contra 39,3 m do modelo 2011. Para completar a decepção dinâmica, a revista aponta que, mesmo equipado com pneus 215/45 R17, o Corolla sai bastante de frente se forçado em estradinhas sinuosas. "Compre um Mazda 3 (não oferecido no Brasil) ou um Ford Focus se você quer um compacto divertido", diz a reportagem.
Novo Corolla com câmbio CVT decepciona em teste nos EUA
No fim, a Motor Trend comenta que a adoção do câmbio CVT teve mais a ver com conforto e economia do que propriamente com desempenho. Por lá, a Toyota divulga consumo de 12 km/l na cidade e 15,7 km/l na estrada com a gasolina norte-americana. A versão S testada é tabelada a US$ 23.570, cerca de R$ 57 mil. Sabemos que no Brasil o Corolla será vendido sem nenhuma pretensão esportiva e terá um motor mais forte, o atual 2.0 16V de 153 cv, mas por esse teste dá para prever que o desempenho deverá ser próximo ao do carro oferecido hoje. Estamos no aguardo! Fonte: Motor Trend

Seja parte de algo grande