Depois da GM e VW, grupo francês anuncia sistema que funcionará em Madri

O grupo PSA, detentor das marcas Citroën, Peugeot e DS, anunciou sua entrada no mercado de compartilhamento de veículos com a emov. Caminho já seguido por marcas como a GM, com o Maven, e pela Volkswagen, com o Moia, o serviço é uma das apostas para o futuro da indústria automotiva.

Usando uma frota composta por 500 Citroën C-Zero, modelo elétrico urbano da marca, a emov é a junção da operação da EYSA, empresa já com experiência em mobilidade urbana, e da Free2Move, já pertencente ao grupo PSA. Com um aplicativo no smartphone, o usuário se cadastra, reserva o carro até 30 minutos antes e libera o carro. Seu custo? 0,19 euro por minuto ou 59 euros/dia. O perímetro de uso dos C-Zero é o centro de Madri e parte da periferia da cidade. 

“O emov chega a Madri com a intenção de se tornar um dos elementos de definição da cidade. Temos certeza de que nossa frota, composta inicialmente por 500 veículos 100% elétricos, será muito bem recebida pelos moradores da cidade. Em poucos dias, mais de 3.000 pessoas já se cadastraram no serviço, o que permite prever muito sucesso para o emov”, disse Fernando Izquierdo, diretor do serviço.

Fotos: divulgação

Seja parte de algo grande