Protótipo usa inteligência artificial para estabelecer relação de amizade com motorista

A Toyota leva para a edição deste ano da CES, em Las Vegas, um conceito que promete antecipar uma visão revolucionária da relação homem-automóvel. Batizado de Concept-i, o protótipo foi desenvolvido com base na filosofia do "calor cinético" e usa um sistema de inteligência artificial para estabelecer uma relação de amizade e aproximação com o motorista.

Segundo a marca, além de construir um relacionamento com condutor, o conceito é capaz de seguir padrões de caminhos e horários, de modo a mapear os melhores caminhos por onde o motorista viaja. Há ainda opção de condução autônoma, baseada em um dispositivo que combina estímulos visuais e táteis.

Leia também:

Por dentro, o Yui (nome dado aos sistema de inteligência artificial) usa luz, sons e até toques para se comunicar com todos a bordo. Avisos são dados por meio de luzes coloridas e pequenas projeções, posicionadas de forma estratégica. Por exemplo: para chamar a atenção do motorista sobre pontos cegos do retrovisor, luzes acenderão na coluna lateral. E assim por diante.

Por fora, painéis localizados nas portas têm a capacidade de cumprimentar motoristas de outros veículos e até pedestres. Na traseira, há avisos para que os condutores da estrada saibam qual a direção da próxima curva, ou mesmo se existe um perigo potencial à frente.

A expectativa é iniciar os testes com o modelo no Japão já nos próximos anos.

Fotos: Jeff Perez / Motor1

 

Seja parte de algo grande