Todos os lucros foram revertidos para a caridade

A Hennessey anunciou na semana passada que o icônico Venom GT sairá de linha. Isso significa que colocar as mãos em um dos carros mais rápidos do mundo ficará ainda mais complicado - e mais caro. Mas um sortudo comprador levou para casa um Venom com uma história para contar.

No leilão da Barrett-Jackson, em Scottsdale, nos Estados Unidos, a lenda do rock Steven Tyler vendeu seu Venom GT Spyder por US$ 800 mil. Ainda veio com uma guitarra assinada por todos os integrantes do Aerosmith, uma semana de férias na casa de praia do vocalista em Maui, no Havaí, e claro, todo o dinheiro foi doado para a Janie's Fund, uma instituição que trabalha com mulheres que foram abusadas, inspirada no hit da banda de 1989, "Janie's Got a Gun". 

 

Steven Tyler Hennessey Venom GT

 

Fora a parte de ter sido propriedade de uma celebridade, este Venom GT é um dos cinco fabricados em 2013 e o primeiro GT Spyder. Novo, ele custa cerca de US$ 1,1 milhão, sinal de que o prestígio de Tyler talvez ande em baixa... Seu Venom GT deveria ter sido vendido por mais do que isso. A força do modelo vem de um motor 7.0 V8 biturbo com 1.200 cv e 159,6 kgfm de torque. Este exemplar está ligado ao câmbio manual de seis marchas e chega aos 96 km/h em apenas 2,7 segundos e à máxima de 434 km/h.

Mais do Hennessey Venom GT:

Por dentro, couro preto com costuras em vermelho e bordados similares a uma das tatuagens de Steven Tyler. Um sistema de som da JL Audio foi instalado para ouvir "Love in an Elevator" mais alto que o ronco do V8. Ele não foi um dos 10 mais caros do leilão no final de semana, mas ainda assim é uma peça impressionante. 

Fonte: Barrett-Jackson

Seja parte de algo grande