Picape média da Renault será feita na Argentina junto com a Nissan Frontier e a Mercedes Classe X

A Renault está com a estratégia toda montada para América do Sul nos próximos anos. Enquanto o Brasil ficará com a produção dos novos Captur e Kwid, a Argentina vai produzir a próxima geração do Kangoo e a picape média Alaskan. O projeto da picape, no entanto, é o mais ambicioso de todos no que diz respeito a imagem de marca. Isso porque a Renault vai produzir, além da Alaskan, também a Nissan Frontier e a inédita Mercedes-Benz Classe X - as três são fruto do mesmo projeto, porém, com diversas particularidades. 

"Será uma responsabilidade enorme, e também motivo de orgulho, para a gente produzir um modelo da Mercedes", disse um executivo da Renault à reportagem do Motor1. Isso porque a Classe X será uma versão bem mais requintada (e equipada) da dupla Alaskan/Frontier, e mostrará que a Renault pode atingir níveis elevados de construção e qualidade.

Flagra Renaul Alaskan no Brasil
Flagra Renaul Alaskan no Brasil

A primeira delas a chegar ao Brasil será a nova Frontier, já em março, mas a princípio importada do México. A produção na Argentina começará em 2018, com parte da produção enviada ao Brasil - tanto da Frontier quanto da Alaskan, já confirmada para o mercado brasileiro para o ano que vem. Por sua vez, a Mercedes Classe X deverá chegar um pouco mais adiante, em 2019.

A Alaskan será equipada com o mesmo motor 2.3 turbodiesel e câmbio automático de sete marchas da Frontier, com tração 4x4 e reduzida. Outra particularidade do projeto está na suspensão traseira, com um sofisticado sistema multilink de cinco braços - inédito na categoria. Como na Frontier, a Alaskan tem vão livre do solo de 23 cm e capacidade para 1 tonelada de carga. Por dentro, apenas o volante o padrão de acabamento mudam em relação à irmã da Nissan.

Enquanto a produção na Argentina não começa, a Alaskan foi flagrada no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), num carregamento da Renault junto com um Fluence de pista. As imagens foram tiradas por um leitor do site BF///MS, especializado em 4x4.       

Seja parte de algo grande