Por enquanto, só na Europa. A versão brasileira deve vir apenas depois do sedã Virtus

A produção do Volkswagen Polo de 6ª geração deve começar em junho. Pelo menos na Europa. É o que disse o presidente mundial da Volkswagen, Herbert Diess, durante a conferência anual de apresentação de resultados do grupo. A conferência aconteceu na terça (14) em Wolfsburg, na Alemanha, e foram nossos colegas do Indian Autos Blog os primeiros a perceber a informação.

Leia também:

Também prometido para o Brasil, o novo Polo terá de esperar pela estreia de sua versão sedã. Que não será chamado de Polo Sedan, como você, leitor assíduo do Motor1.com, já deve saber. Será o Virtus, flagrado recentemente em testes em São Paulo e já confirmado oficialmente pelo mesmo Herbert Diess, mas, desta vez, no Salão de Genebra.

Com entre-eixos de 2,56 m, o novo Polo promete um bocado de espaço interno e segurança reforçada, já que ele será fabricado sobre a mesma estrutura do Golf, a MQB, ainda que na versão compacta, chamada de A0. Se o Golf for medida para este quesito, o Polo estará bem na fita, talvez com as mesmas 5 estrelas que o hatch médio conseguiu no mais recente teste do Latin NCAP.

Projeção: Automedia

Seja parte de algo grande