Fim da linha para a Hummer - Venda não sai e obriga a GM a encerrar a marca

A General Motors anunciou oficialmente em Detroit (EUA) que a venda da marca Hummer ao grupo chinês Sichuan Tengzhong Heavy Industrial Machines Co. Ltd não foi finalizada, mas não divulgou o motivo. Com isso, a empresa confirmou o encerramento das operações da marca.
Fim da linha para a Hummer - Venda não sai e obriga a GM a encerrar a marca
"Nós consideramos uma série de possibilidades para Hummer durante esse percurso e estamos desapontados que a negociação com Tengzhong não pôde ser completada", afirmou o vice-presidente de planejamento corporativo e alianças da GM, John Smith. Além da reestruturação da GM, este tipo de carro - utilitário pesado com alto consumo de combustível - tornou-se inviável devido a fatores ambientais, econômicos e também pela alta dos preços dos combustíveis nos Estados Unidos. O fim das operações da Hummer será realizado de forma gradativa e eliminará cerca de 3.000 empregos. A marca afirma que suporte e peças continuarão sendo oferecidos.

Seja parte de algo grande