General Motors ganha independência na América do Sul

A General Motors anunciou nesta segunda-feira (22), a criação de uma nova organização regional para enfrentar as crescentes demandas de clientes na América do Sul. Até então, as filiais locais se reportavam na sede de Operações Internacionais na China, e agora tratarão direto com Detroit. A GM América do Sul terá sua sede localizada em São Paulo e será liderada por Jaime Ardila, que já comandava a GM Mercosul. Como membro do Comitê Executivo e presidente regional, Ardila será o hispânico de maior escalão da empresa. "A prioridade número um do Jaime é garantir o melhor para nossos clientes nesta importante região em crescimento", disse Ed Whitacre, Chairman e CEO da GM. A GM América do Sul contempla as operações industriais e comerciais no Brasil, Argentina, Colômbia, Equador e Venezuela, assim como as atividades de vendas naqueles países e na Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai. O total de funcionários nesta nova organização chega a 29.000. Com as mudanças, Denise C. Johnson, vice presidente de Relações Trabalhistas, será nomeada presidente e diretora geral da GM do Brasil, a partir de 1º de Julho de 2010. Ela se reportará a Ardila. Por: Aline Amaral - Fonte: Divulgação GM

Seja parte de algo grande