Dacia Duster ganha versão bicombustível (flex) na Europa

Para vender o Duster na Europa, a Dacia precisa se adaptar às rígidas normas contra poluição. Para oferecer uma gama de motores dentro dos padrões, com o respaldo da Renault, a Dacia passa a oferecer duas novas opções de motores: um diesel e um bicombustível movida a gasolina ou etanol.
Dacia Duster ganha versão bicombustível (flex) na Europa
A nova opção movida à diesel é um 1.5 dCi de 90 cv. De acordo com a marca, este propulsor possibilita ao Duster acelerar de 0 a 100 km/h em 13,9 segundos e alcançar velocidade máxima de 156 km/h. O consumo médio homologado é de 20 km/litro. A outra opção, inesperada para o mercado europeu, é o motor 1.6i E85, ou seja, uma versão bicombustível capaz de rodar com etanol ou gasolina. Este propulsor entrega 110 cv de potência, o que possibilita o utilitário acelerar de 0 a 100 km/h em 11,4 segundos e atingir velocidade máxima de 164 km/h. De acordo com a Dacia, o consumo médio é de 14 km/litro. No mercado francês, o modelo já é vendido, os preços dos novos motores variam de 11.900 euros (R$ 26.451) na versão 1.6i 16v E85 BASIC a até 16.700 euros (R$ 37.121) na versão 1.5 dCi 90 CV DPF Prestige, todos com tração simples 4x2.

Seja parte de algo grande

Dacia Duster ganha versão bicombustível (flex) na Europa

Foto de: Fábio Trindade