BOMBA: Jornalista acusa Ferrari de modificar carros usados em testes

Uma bomba no mundo automobilístico. O jornalista britânico Chris Harris acusou a Ferrari de modificar seus carros durante os testes abertos à imprensa. Segundo ele, tudo começou em 2007 quando testavam o modelo 599 GTB Fiorano. Na ocasião, a montadora italiana enviou uma equipe de técnicos e engenheiros para otimizar o desempenho do carro durante os testes com a imprensa.
BOMBA: Jornalista acusa Ferrari de modificar carros usados em testes
Outros modelos que, de acordo com Harris, sofreram alterações foram o 360 Modena e o 430 Scuderia. No primeiro caso o automóvel chegou a 160 km/h dois segundos mais rápido do que a versão vendida ao público. Quanto ao Scuderia, o esportivo estranhamente se encontrava equipado com pneus inapropriados para a demonstração. Harris ainda revelou que cada jornalista deve apresentar uma autorização escrita para conduzir um Ferrari, enquanto que os clientes são aconselhados a não autorizar o uso de seus carros para testes comparativos. Decepcionado com a marca italiana, Chris Harris vendeu seu 575 Maranello e afirmou não esperar mais convites oficiais do fabricante. Por: Michelle Sá / Fonte: Autoblog Itália

Seja parte de algo grande

BOMBA: Jornalista acusa Ferrari de modificar carros usados em testes

Foto de: Thiago Parísio