Ferrari usará inédito sistema de teto rígido retrátil na 458 Spider

A Ferrari lançará a 458 Spider apenas em setembro, durante o Salão de Frankfurt, mas muitos de seus detalhes já começam a ser revelados. Ao que se sabe até agora, a fabricante italiana passará a usar um inédito sistema de teto rígido retrátil em detrimento do clássico teto de lona. Segundo especulado, a Ferrari optou pelo sistema de teto rígido por oferecer um melhor isolamento acústico e aerodinâmica, mas ele demanda muito espaço para guardar as partes metálicas. A solução será usar um novo sistema, onde as lâminas do teto serão recolhidas para detrás dos bancos, entre o habitáculo e o motor, num arranjo inédito. O problema a ser solucionado é conjugar o teto rígido ao motor traseiro, que não pode ser coberto pelas partes retráteis. Outra preocupação é quanto a rigidez torcional do conjunto, que não pode prejudicar o desempenho. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Piston Heads

Seja parte de algo grande