Guerra do IPI: Effa e Lifan paralisam fábrica no Uruguai por tempo indeterminado

De acordo com informações do AutoBlog Uruguay, o Grupo Effa e Lifan suspenderam as atividades da fábrica instalada em San Jose, no Uruguai, por tempo indeterminado. Como o principal destino dos carros montados em regime CKD por lá era o mercado brasileiro, a agressiva alta do IPI para veículos importados forçou o grupo a tomar esta medida drástica. Responsável pela montagem dos modelos Lifan 320 e 620 vendidos no Brasil, a empresa, assim como outras importadoras, não consegue em tempo recorde atingir o nível mínimo de nacionalização das peças exigido pelo governo para conceder o "desconto" do IPI. Com a nova alíquota, o modelos da Lifan são obrigados a pagar 44% só de IPI ao governo, o que evidentemente, acaba tirando o principal diferencial que era o baixo custo. Na unidade paralisada, cerca de 400 funcionários podem perder o emprego. Fonte: AutoBlog Uruguay

Seja parte de algo grande