Mídias sociais são as novas apostas das grandes montadoras

Já faz algum tempo que avenidas e ruas deixaram de ser o foco principal quando procuramos pelos endereços das revendas de uma determinada marca. Hoje, quando indagamos sobre a localização de uma montadora, comumente fazemos referência ao espaço virtual ocupado pela mesma. Contudo, em um mundo mais e mais globalizado, não basta apenas marcar presença no mundo virtual. Afinal, é preciso acompanhar a evolução e fazer de tudo – tudo mesmo – para ser lembrado pelos possíveis compradores. E é aí que entram as mídias sociais. Dispostos a fortalecer seus nomes e se aproximar dos consumidores, diversos fabricantes passaram a manter “contas” em sites de relacionamento como Twitter, Facebook, Flickr, MySpace, Orkut, Digg e Linkedln.
Mídias sociais são as novas apostas das grandes montadoras
A francesa Citroën foi uma das que resolveu apostar neste tipo de mídia. Decidida a rejuvenescer sua imagem perante o público brasileiro, a montadora – que já é a mais seguida no Twitter – passou a investir no Facebook. A chinesa JAC foi outra que se utilizou da mesma mídia on-line para promover seus carros durante o lançamento nacional do J3 e do J3 Turin, ocorrido em março. A Toyota, por outro lado, optou por dar exclusividade aos seus clientes e criará o “Toyota Friend”. A proposta tem como ideal o compartilhamento de informações sobre o rendimento e comportamento dos modelos assim como produtos, serviços e dicas de manutenção. Já a Chrysler fez uso da rede para divulgar quatro de seus novos modelos enquanto a Honda criou um jogo em que os usuários do Facebook poderiam “adquirir” um Honda CR-Z. Fato é que a indústria automobilística tem colhido excelentes resultados ao aliar suas campanhas publicitárias ao poder de persuasão proporcionado pelas redes sociais para atingir um número maior de pessoas.
Mídias sociais são as novas apostas das grandes montadoras
A norte-americana Ford é um exemplo disto. Numa ousada ação de marketing, a empresa emprestou 100 Fiestas Movement para jovens influentes nas mídias sociais. Por lá, diversos modelos como o Novo Focus e Nova Explorer também ganharam ações específicas. No Brasil, também utilizou da rede social para promover o lançamento do New Fiesta Sedan. Durante os seis meses em que estiveram de posse do modelo, que ainda não se encontrava à venda nas concessionárias da empresa, eles relataram suas impressões em diversos sites de relacionamento. Os resultados não poderiam ser mais do que positivos: 4,3 milhões de visualizações no YouTube, 3 milhões no Twitter, 540 mil no Flickr e 50 mil potenciais compradores – 97% dos quais jamais haviam conduzido um modelo da marca. Segundo Scott Monty, chefe de mídia social da companhia, quatro mil reservas do modelo foram feitas somente no primeiro mês. No entanto, a maior surpresa se deu no final da ação. Os índices de lembrança do Fiesta Movement eram semelhantes aos do Fusion, modelo cuja campanha contou com milhões de dólares a mais - só que na mídia tradicional. Por: Michelle Sá / Fonte: Assobrav

Seja parte de algo grande