Brasil, resultados de setembro: Vendas permanecem estáveis e cai participação de modelos flex

As vendas de automóveis e comerciais leves em setembro praticamente se mantiveram estáveis na comparação com o mesmo período de 2010. Foram emplacadas 293.617 unidades – das quais 226.923 foram de automóveis e 66.694, de comerciais leves –, contra 291.414 unidades em setembro passado (+0,76%). Em relação às 307.808 unidades registradas em agosto, entretanto, houve um recuo de 4,61%. No acumulado do ano o mercado nacional já registrou 2.527.358 novas unidades. Este número é 6,7% superior ao dos nove primeiros meses do ano passado (2.368.764). O aumento de participação dos importados movidos exclusivamente a gasolina provocou a diminuição da participação dos modelos flex no total comercializado. O índice, que havia sido de 82,73% em agosto, caiu para 81,50% (239.289 unidades). Já os modelos com motorização 1.0 mantêm a tendência de queda: em setembro foram 108.655 unidades, somadas as vendas de automóveis e comerciais leves. Este número representou 37,01% do total emplacado, ainda menos do que os 37,44% registrados em agosto. Por Thiago Parísio / Fonte: Fenabrave

Seja parte de algo grande