Todos contra o México: Depois do Brasil, agora é a vez da Argentina renegociar acordo automotivo

O Brasil anunciou na semana passada a renegociação do acordo automotivo com o México. O objetivo é reduzir o déficit comercial entre os dois países – só em 2011 nosso país importou US$ 2,1 bi em veículos produzidos na terra de Chaves e de Chapolin. Agora é a vez da Argentina anunciar que também negociará novas condições com o México. O déficit argentino, que havia sido de US$ 310 milhões em 2010, chegou aos US$ 995 milhões em 2011. Para Débora Giorgi, ministra da indústria do país, “é imprescindível encontrar novas pautas de comércio que nos permitam equilibrar a balança do setor”. Por Thiago Parísio / Fonte: Autoblog Argentina

Seja parte de algo grande