Renault planeja ter metade de suas vendas fora da Europa em 2013

Castigadas pela crise econômica que assola os países da zona do euro, a montadoras de automóveis estão apostando cada vez mais em mercado fora da Europa. Um exemplo disso é a Renault, que declarou nesta semana que pretende vender aproximadamente metade de seus carros fora do Velho Continente no ano que vem. De acordo com Carlos Tavares, diretor geral de operações da marca, as vendas da Renault fora da Europa representarão 48% do volume total neste ano. Em 2013, a meta é atingir justamente os 50%. Reduzir a dependência do mercado europeu é fundamental, uma vez que as vendas por lá acumulam queda de 8,7% em relação ao ano passado. As apostas da Renault serão concentradas em países emergentes como Rússia, China e Brasil. Por Dyogo Fagundes - Fonte: Divulgação/Renault

Seja parte de algo grande