BRASIL, resultados de setembro: Vendas desabam após agosto histórico

Depois de um mês de agosto em que as vendas de automóveis e comerciais leves registraram um novo recorde histórico no Brasil, os números de emplacamentos em setembro registraram forte queda. De acordo com relatório divulgado ontem (01/10) pela Fenabrave (Federação Nacional dos Distribuidores de Veículos Automotores), foram registradas no país 277.614 unidades – das quais 213.711 automóveis e 63.903 comerciais leves -, 31,54% a menos em relação ao mês anterior (405.518). Alem do recuo em virtude da corrida desenfreada às concessionárias pelo receio dos consumidores de que a alíquota reduzida de IPI não fosse prorrogada pelo governo federal, outro motivo apontado pela Fenabrave para a queda nas vendas foi o menor número de dias úteis de setembro – 19, contra 23 em agosto. O acumulado entre janeiro e setembro chegou a 2.666.827 unidades, 5,53% superior ao de 2011. A previsão da entidade é de que mais de 3,7 milhões de unidades sejam registradas até o final do ano. Por Thiago Parísio / Fonte: Fenabrave / G1 Carros

Seja parte de algo grande