Mão na roda (e no pneu): cuidados importantes que garantem o diferencial em seu carro

Mão na roda (e no pneu): cuidados importantes que garantem o diferencial em seu carro
Quando se fala em cuidados preventivos com o carro, um conjunto muito importante, tanto para a segurança quanto para o bom funcionamento do veículo, é quase sempre lembrado entre os últimos itens a se preocupar: as rodas e os pneus. Economia, conforto, precisão, além da já citada segurança, são características que estão ligadas diretamente com as rodas e os pneus do veículo. Não é pouca coisa, não é mesmo? Então fique atento às dicas que vamos sugerir para que você possa garantir o melhor proveito de seu carro: Rodas: O carro é pensado e construído para transitar com as medidas originais do fabricante. Tempo e dinheiro em pesquisa foram utilizados para se chegar à medida mais segura e que garanta o melhor desempenho de seu veículo. Então, se você pensar em mudar as medidas das rodas de seu veículo, não deixe de fazer uma análise detalhada para saber se a conversão não acarretará em prejuízo. Alinhamento: Precisão, segurança e uma melhor dirigibilidade serão garantidas com o alinhamento dos pneus. Para evitar que seu carro “puxe” para o lado ao transitar em terrenos irregulares e melhorar o conforto ao dirigir, faça o alinhamento ao menos a cada 10.000 quilômetros e também ao trocar os pneus. Em outras situações específicas também é válido realizar o procedimento, como por exemplo, ao sentir imprecisão na direção. Balanceamento: Os pneus são o único ponto de contato entre seu carro e o solo. Então, não era de se esperar menos, desgastes ocorrem naturalmente, influenciando também no sistema de suspensão, por exemplo. A prática do balanceamento ajuda a garantir a durabilidade dos pneus, compensando o desgaste com a aplicação de pequenos pedaços de chumbo na parte mais leve da roda. A frequência de realização também acontece na troca de pneus e a cada 10.000 quilômetros. A situação emergencial aqui é quando você sentir uma trepidação na direção. Rodízio: Também com o objetivo de deixar o desgaste dos pneus uniforme, o rodízio dos pneus deve ser feito a cada 10.000 quilômetros, visando também a conservação da suspensão do veículo. E o principal: os pneus mais novos devem ser montados no eixo traseiro. Essa posição garante maior segurança, já que a parte traseira do automóvel tende a perder aderência primeiro que a frente em uma situação de risco. Calibragem: A prática que pode ser vista como a mais simples é também a que garante muita diferença se não realizada corretamente. Economia de combustível, durabilidade do pneu, estabilidade do veículo, precisão nas curvas, conforto na direção. Parece muita coisa, não é mesmo? Mas todos esses itens são garantidos com a calibragem correta dos pneus. Para isso, não deixe de calibrar seu conjunto de pneus semanalmente e seguir as indicações do fabricante do veículo. Cuidando das rodas e dos pneus de seu veículo, você garante, principalmente, mais segurança e melhor desempenho de seu veículo. E você, tem alguma dica para compartilhar também? Estas dicas são um oferecimento da Citroën. Preços fixos de revisão a partir de 3X de R$ 89,00 em todo o Brasil

Seja parte de algo grande