Impactos da crise: Salão do Automóvel de SP não contará com supercarros

Se você pensa em ir ao Salão Internacional do Automóvel de São Paulo no segundo semestre deste ano para ver de perto alguns dos mais famosos esportivos de luxo, esqueça. A visita será frustrada. Passando por um momento de retração nas vendas, por conta da elevação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sem conteúdo nacional, Ferrari, Lamborghini, Pagani e Maserati, além da sueca Koenigsegg, decidiram não exibir seus modelos na mais importante mostra de nosso setor automotivo.
Impactos da crise: Salão do Automóvel de SP não contará com supercarros
A determinação exibe o momento delicado pelo qual nosso mercado automobilístico vem passando. Com o comércio de carros novos em queda e consequente elevação de veículos nos pátios das fábricas, restou às montadoras aguardarem uma ajuda governamental – que é esperada para os próximos dias. Dentre as medidas aguardadas está o destravamento do crédito que, há meses, tem tirado o sono de muitos importadores. Esta é a primeira vez que os possantes, responsáveis por boa parte do público que visita o salão, estarão ausentes do evento no Anhembi. Por Michelle Sá / Fonte: Revista Exame

Seja parte de algo grande