Audi atrasa novo Q7 para fazer mudanças visuais de última hora

Conforme apurou a revista norte-americana Motor Trend, a Audi resolveu atrasar de última hora o desenvolvimento da nova geração do SUV Q7 para aplicar mudanças no visual. De acordo com a publicação, a ideia partiu da a equipe de design, que não estava satisfeita com as linhas gerais do modelo, consideradas "brutais" e "ostensivas" além da conta. O redesenho deve custar aos cofres da marca cerca de US$ 260 milhões (o equivalente a R$ 600 milhões), além do atraso no lançamento.
Audi atrasa novo Q7 para fazer mudanças visuais de última hora
Feito sobre a mesma plataforma modular que também será usada pelas próximas gerações de Volkswagen Touareg, Porsche Cayenne e pelo futuro SUV da Bentley, o novo Q7 passará por uma séria dieta e deverá perder aproximadamente 320 quilos dos atuais 2.300 kg. A expectativa da Audi é melhorar os índices de consumo e emissão de gases, tendo em vista as rígidas normas europeias.

Seja parte de algo grande