Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade

Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
No disputado segmento dos sedãs médios não basta ter apenas um rostinho bonito. Para desafiar os líderes asiáticos, os japoneses Civic e Corolla e o coreano Cruze, é preciso ter visual atrativo, conjunto mecânico eficiente, conforto e tecnologia embarcada. É diante desta nova realidade que estreia o novo Citroën C4 Lounge. CARPLACE foi até Mendoza, na Argentina, para conhecer e experimentar o substituto do Pallas, que chega com a missão de se tornar um dos protagonistas da categoria.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
O que é? Lounge é uma palavra que remete a um ambiente espaçoso, moderno e sofisticado. Traduzindo o conceito para o mundo dos automóveis, a Citroën oferece um carro de medidas generosas, bom espaço interno, desenho atual e uma boa dose de "mimos". O novo estilo caiu muito bem no sedã francês. Com linhas mais arrojadas, o C4 Lounge exibe formas equilibradas e não lembra em nada a "barca" que era o Pallas. Ao vivo, chamam a atenção os vincos laterais inspirados na linha de luxo DS, em especial o DS4, o que confere uma personalidade forte ao modelo. Na frente, os faróis têm desenho arrojado que se integram ao duplo chevron da Citroën, enquanto o para-choque abriga uma grade inferior filetada envolta em cromado. Fecham o pacote os faróis de neblina e as luzes diurnas no formato de "L", com LEDs.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
A traseira também é bem resolvida, com lanternas de LEDs e desenho que se integra ao vinco lateral e à barra cromada na (elevada) tampa do porta-malas. Por falar nele, o compartimento de bagagens diminuiu para 450 litros, ainda um valor razoável - era de 513 litros no Pallas. Uma alteração estética para o nosso mercado é a inclusão de uma área sem pintura na parte inferior, que abriga os refletores e acomoda a saída de escape.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Na parte interna também há uma revolução com traços da linha DS. O painel é inteiro emborrachado, feito com material macio. É possível apertar e ver a peça mexer. O volante é igual ao do DS4, porém sem revestimento de couro nas versões de entrada e intermediária. O sistema de som, com comandos no volante em todas as versões, oferece a indispensável entrada USB e conexão Bluetooth para telefonia e áudio streaming. O banco do motorista tem ajuste manual, assim como o volante, que pode ser regulado em altura e profundidade. Para quem vai atrás, há bom espaço para três pessoas, apesar do assoalho ter o túnel elevado. A boa notícia é a saída de ar presente também para estes ocupantes.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Como anda? Para começar, experimentamos a versão top de linha Exclusive, equipada com motor 1.6 THP de origem BMW associado ao câmbio automático de seis velocidades. Bem completa, possui como diferenciais o quadro de instrumentos em tom azul e grafismos de alta resolução, herdados do DS4. Regulagens feitas, basta dar ligar o motor para começar o teste. Mas, espera aí, cadê o botão de partida? Esta versão dispõe do sistema de ignição sem chave, mas, curiosamente, o botão "start" está posicionado no lado esquerdo do volante. A boa lembrança do DS4 também aparece em movimento. Com este conjunto mecânico, que gera 165 cv e 24,5 kgfm de torque, o Lounge é um carro ágil, com respostas rápidas e trocas de marchas eficientes. Basta "mandar" que ele acelera. Por outro lado, o preço a ser pago pela boa performance é um acerto de suspensão mais rígido, que tira um pouco do conforto de rodagem.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Dirigindo aos pés da Cordilheira dos Andes, região extremamente gelada e com fortes ventos, o C4 sedã mostrou boa disposição em longas retas e não temeu entrar mais forte nas curvas. Para os excessos, há os sistemas de controles de tração e estabilidade nesta versão.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Depois de dirigir por cerca de 100 quilômetros o 1.6 THP, foi a vez de conferir a versão que deve responder pelo maior volume de vendas, a 2.0 Tendance, que tem como novidade o câmbio automático de seis marchas - eram quatro no Pallas. O motor é o mesmo 2.0 16V Flex utilizado no antecessor, que que entrega até 151 cv de potência. Aqui não há botão para ligar o carro, o quadro de instrumentos é de cor âmbar e o velocímetro tem números digitais grandes. Também se faz presente a antiquada telinha (a mesma do Peugeot 308) para o rádio. Logo na cidade as diferenças entre as versões turbo e 2.0 se mostram evidentes. A suspensão da Tendance (e demais 2.0) é mais macia, o que torna a condução mais confortável. O novo câmbio de seis marchas dá nova vida ao motor 2.0, com saídas mais espertas, assim como nas retomadas. Em velocidade de cruzeiro a 120 km/h, agrada pelo nível de ruído baixíssimo. Nas curvas, a inclinação da carroceria é mais acentuada que na versão turbo - o que já era esperado, mas não chega a comprometer.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Apesar do novo câmbio automático de seis marchas trazer melhorias significativas, como a redução de consumo em até 10% de acordo com a Citroën, o comportamento da transmissão ainda precisa de pequenos ajustes. Numa condução linear ela cumpre seu papel de forma eficaz, mas notamos que ao acelerar forte (kick down), simulando uma ultrapassagem ou aquela entrada rápida na faixa do lado, o câmbio reduz como esperado e eleva a rotação, porém, fica segurando a marcha com o giro alto mesmo após a gente aliviar o pé. Quanto custa?
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Como dito no começo, Civic, Corolla e Cruze são os principais concorrentes do momento para o C4 Lounge. Mas, já esperando a chegada de mais um concorrente de peso, o novo Focus Sedan, a Citroën aposta numa estratégia de preços equilibrada pelo nível de equipamentos proposto. Por R$ 59.990, oferece a versão de entrada Origine 2.0 16V Flex manual, que traz entre os principais itens de série rodas de liga leve de 16 polegadas calçadas com pneus "verdes" 205/55 R16, direção eletro-hidráulica, setas integradas nos retrovisores, molduras das janelas cromadas, faróis de neblina, sistema de freios com ABS + EBD + AFU (auxílio de frenagem de urgência), DRL (luz de rodagem diurna em LED), ar-condicionado analógico, saída de ar no console traseiro, vidros elétricos, alarme, retrovisores elétricos, banco traseiro bi-partido 1/3 + 2/3, isofix, apoio de braço central (frente e traseira), molduras de ar e puxadores cromados, volante multifuncional, computador de bordo, sistema de som com CD MP3 e Bluetooth, tomada 12V e entrada USB no console, controle de velocidade de cruzeiro (piloto automático) e limitador de velocidade.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Já a versão Tendance 2.0 16V Flex é oferecida com câmbio manual por R$ 62.490, e com câmbio automático por R$ 66.690. Em relação à Origine, adiciona rodas de liga leve de 17 polegadas, ar-condicionado automático de duas zonas, anéis cromados nos comandos do ar-condicionado, sensor de estacionamento traseiro com indicador sonoro e visual, faróis com sensor crepuscular e sistema Coming/Leaving Home, sensor de chuva e retrovisor interno eletrocrômico. A seguir vem a versão Exclusive 2.0 16V automática, que por R$ 72.490 acrescenta bancos e volante com revestimento em couro, para-sóis com iluminação, sistema keyless (abertura e fechamento por aproximação) e ignição do motor através de botão, sistema ESP/ASR, airbags laterais e de cortina, retrovisores rebatíveis eletricamente, painel com detalhes em preto brilhante e mais dois tweeters dianteiros no sistema de som.
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
Mais cara é a top de linha Exclusive Turbo 1.6 THP, que custa R$ 77.990. Nela, as diferenças ficam por conta das rodas de 17 polegadas com design Dodragão, ponteira cromada dupla, sensor de ponto cego (SAM – Smart Alert Move), sensor de estacionamento dianteiro, câmera traseira, soleiras metálicas nas portas dianteiras, navegador com tela colorida 7" e quadro de instrumentos com iluminação e LCD personalizáveis (igual ao do DS4). Mas para deixar a versão top de linha completa "mesmo", é necessário adquirir o Pack Select, composto por teto solar elétrico e faróis bi-xênon direcionais. Com o pacote, o preço final salta para R$ 82.290. A marca também destaca o seu programa de revisão com preço fixo, com os seguintes valores: - Revisão de 10.000 km: R$ 400 (ou em 4x de R$ 100) - Revisão de 20.000 km: R$ 612 (ou em 4x de R$ 153) - Revisão de 30.000 km: R$ 556 (ou em 4x de R$ 139) - Revisão de 40.000 km: R$ 612 (ou em 4x de R$ 153) - Revisão de 50.000 km: R$ 612 (ou em 4x de R$ 153) - Revisão de 60.000 km: R$ 892 (ou em 4x de R$ 223)
Volta Rápida: Citroën C4 Lounge está mais perto da realidade
A expectativa da Citroën é vender cerca de 1.500 unidades do C4 Lounge por mês, volume que o colocaria na quarta posição entre os sedãs médios, à frente de modelos como Renault Fluence e Volkswagen Jetta. Nesta nova geração, a Citroën passa a oferecer um modelo atualizado com política de preços agressiva, principalmente nas duas versões iniciais. Assim, podemos concluir dizendo que o C4 Lounge está bem mais perto, ou melhor, mais inserido na realidade do segmento. Por Fábio Trindade, de Mendoza (Argentina) Fotos Divulgação Viagem a convite da Citroën Ficha técnica - Citroën C4 Lounge 2.0 16V Motor: dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 16 válvulas, 1998  cm³, flex; Potência: 143cv gasolina/151cv etanol a 5.250 rpm; Torque: 20,2 kgfm gasolina/21,7 kgfm etanol a 4.000 rpm; Transmissão: manual de cinco marchas / automática de seis velocidades; Direção: eletro-hidráulica; Suspensão: Tipo Pseudo McPherson na dianteira e travessa deformável, molas helicoidais , amortecedores hidráulicos telescópicos e barra estabilizadora na traseira; Freios: discos nas quatro rodas, com ABS, RFU e AFU; Rodas: aro 16 com pneus 205/55 R16 ou aro 17 com pneus 225/45 R17; Peso: 1.439 kg; Capacidades: porta-malas 450 litros; Dimensões: comprimento 4.621 mm, largura 1.789 mm, altura 1.505 mm, entreeixos 2.710 mm; Ficha técnica - Citroën C4 Lounge 1.6 THP Motor: dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 16 válvulas, 1598 cm³, injeção direta com turbo e intercooler; Potência: 165 cv gasolina a 6.000 rpm; Torque: 24,5 kgfm a 1.400 rpm; Transmissão: automática de seis velocidades; Direção: eletro-hidráulica; Suspensão: Tipo Pseudo McPherson na dianteira e travessa deformável, molas helicoidais , amortecedores hidráulicos telescópicos e barra estabilizadora na traseira; Freios: discos nas quatro rodas, com ABS, RFU e AFU; Rodas: aro 16 com pneus 205/55 R16 ou aro 17 com pneus 225/45 R17; Peso: 1.498 kg (1.512 kg com Pack Select); Capacidades: porta-malas 450 litros; Dimensões: comprimento 4.621 mm, largura 1.789 mm, altura 1.505 mm, entreeixos 2.710 mm.

Seja parte de algo grande