Coreia do Sul desenvolve carro movido a amônia

O Instituto Sul-Coreano de Pesquisa Energética (Kier) anunciou na última quinta-feira (30) a criação de um carro movido a amônia. De acordo com a instituição, o veículo foi desenvolvido com o objetivo de ser uma alternativa ecológica e emite 70% menos dióxido de carbono do que um modelo convencional, já que apenas nitrogênio e água são liberados durante o processo. A tecnologia queima uma mistura de 70% de amônia e 30% de gasolina e pode ser adaptada em veículos já existentes, sendo mais estável que outras formas alternativas de energia, como o hidrogênio. O único problema, segundo o Kier, é o alto preço do composto químico, usado hoje em dia principalmente pelas indústrias farmacêutica e agrícola.

Seja parte de algo grande