Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão

Foi dada a largada para mais um Salão internacional. O palco da vez é Genebra, que nesta 83a edição fica aberto ao público entre os dias 7 e 17 de março. A mostra é conhecida por estar situada em terreno "neutro", já que a Suíça não é pátria de nenhuma grande montadora. Ou seja, aqui não há o domínio alemão que ocorre em Frankfurt ou a supremacia francesa que acontece em Paris. E logo na primeira coletiva deste dia inaugural para a imprensa, a Peugeot trouxe boas notícias para o consumidor brasileiro: a principal atração da marca no Salão, o crossover 2008, teve a produção no Brasil confirmada para entre o final de 2014 e o começo de 2015. O modelo dividirá a linha de montagem com o 208 em Porto Real (RJ).
Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão
Rival direto do EcoSport, o 2008 tem perfil mais familiar que o Ford quando visto de perto. Ele é mais baixo em relação ao solo e não tem o estepe pendurado na tampa traseira, chegando a lembrar uma perua - tanto que o modelo fará as vezes de station-wagon da linha, visto que não existirá uma 208 SW. Com 4,16 m de comprimento e 1,74 m de altura, o 2008 é 20 cm mais longo e 5 cm mais alto que o 208. O espaço interno é bem mais amplo que no hatch, especialmente no banco traseiro, e o porta-malas tem 360 litros.
Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão
O painel lembra bastante o do 208, com volante de diâmetro reduzido (que dá uma ideia de agilidade) e o quadro de instrumentos elevado, como num head-up display. Também há a tela de sete polegadas sensível ao toque no centro do console, para comandar a central de entretenimento. Aqui na Europa a Peugeot oferece internet a bordo via 3G e 11 aplicativos para o sistema multimídia.
Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão
No lançamento, o crossover está disponível com motores 1.2 VTi de 81 cv e 1.6 VTi de 118 cv a gasolina, além de duas unidades a diesel com potências de 67 cv e 113 cv, respetivamente. No futuro a linha será complementada por um propulsor de três cilindros turbo, que será 12 kg mais leve que um similar de quatro cilindros, de acordo com a Peugeot. No Brasil, o 2008 receberá o motor 1.6 flex start emprestado do 208, com 122 cv e sem tanquinho de partida a frio. Uma versão com o 1.6 TPH de 165 cv e câmbio automático de seis marchas pode pintar como top de linha.
Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão
Na Europa, todo 2008 virá com seis airbags, ABS e EBD e controles de tração\estabilidade, somente com tração dianteira. E mesmo no Brasil não deverá haver versão 4x4.
Direto de Genebra: brasileiro em 2014, Peugeot 2008 é estrela do Salão
Texto e fotos Daniel Messeder, de Genebra, Suíça

Seja parte de algo grande