Provas teóricas para primeira habilitação em SP passam a ser feitas por computador

Como parte do processo de modernização dos serviços, o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) passa a oferecer, nas unidades Armênia, Aricanduva e Interlagos, na capital paulista, a prova teórica eletrônica para quem vai tirar a primeira habilitação. Computadores passam a substituir os cadernos de questões e as folhas de respostas. Mais seguro e ágil, o exame eletrônico oferece o resultado logo após a conclusão do teste. Além disso, a capacidade de aplicação de provas aumentou, pois não é preciso esperar a formação de turmas: basta que o teste teórico seja pré-agendado pelos Centros de Formação de Condutores (CFCs). “A ação faz parte de um conjunto de medidas que temos adotado para melhorar a formação do condutor. Além de agilizar o processo de habilitação, a prova eletrônica conta com um banco ampliado de questões, com foco na segurança no trânsito, cidadania e direção defensiva”, explica o diretor-presidente do Detran, Daniel Annenberg. Juntas, as três unidades da capital aplicam diariamente cerca de 1,6 mil provas teóricas para primeira habilitação. O teste eletrônico também está disponível em Guarulhos, Osasco, Suzano, Miracatu, Cajamar, Indaiatuba, Limeira, Itaquaquecetuba e Jales. Gradativamente, a prova em computador será implantada em outras unidades de trânsito do Estado. Funcionamento A prova destinada aos futuros motoristas aborda questões de Ambiente, Cidadania, Mecânica, Legislação de Trânsito, Direção Defensiva e Noções de Primeiros Socorros. Apesar de eletrônica, ela só pode ser feita nas unidades do Detran-SP. Para familiarizar os candidatos com a ferramenta e auxiliá-los nos estudos, o Detran-SP disponibiliza o "Simulado de Prova Detran" no portal www.detran.sp.gov.br. O acesso deve ser feito no menu de "Serviços Eletrônicos", localizado na lateral direita da página inicial. Foto: Cidadeagorago

Seja parte de algo grande