Jovens ao volante: garotos gostam de correr e garotas falam demais

A Ford contratou uma empresa de pesquisa para avaliar o comportamento dos jovens ao volante nos Estados Unidos e chegou a resultados interessantes. Realizado pela Penn Schoen Berland exclusivamente para a marca da oval azul, o estudo contou com a participação de 500 adolescentes com idades entre 15 a 18 anos e seus pais. De acordo com a Ford, boa parte dos resultados e das percepções encontrados varia de acordo com o sexo. As garotas, por exemplo, são mais propensas a se distrair com outras pessoas dentro do carro e falar ao telefone, mas têm mais responsabilidade quanto ao uso de cinto de segurança. Os garotos, por outro lado, preferem dirigir de forma mais agressiva, com bastante velocidade, e têm mais chances de pegar na direção mesmo estando embriagados. Entrando na seara das estatísticas, a pesquisa apurou o seguinte: 61% dos entrevistados admitiram comer ou beber enquanto dirigem, 62% confessaram que se distraem com outras pessoas no carro, 51% disseram ouvir música em aparelhos de MP3 e 42% revelaram que ouvem música tão alto que não consegue ouvir o barulho, como a buzina, de veículos próximos. Na tentativa de formar motoristas mais responsáveis, a Ford oferece na América do Norte o sistema de chave MyKey e o programa Ford Driving Skills for Life. O primeiro é indicado especialmente para pais que emprestam o carro para os filhos e permite configurar a chave do veículo com várias funções de segurança, como limitar a velocidade máxima do carro, manter acionados os avisos sonoros de velocidade excedida, limitar o volume do som, entre outros. No Brasil este dispositivo está presente no New Fiesta.
Jovens ao volante: garotos gostam de correr e garotas falam demais
Já o Ford Driving Skills for Life é um programa gratuito de orientação que ensina novos condutores a dirigir de forma mais segura e responsável. De acordo com a marca, o "curso" está disponível em 200 escolas nos Estados Unidos e deve atender 40 mil motoristas adolescentes neste ano. Há ainda uma versão online e planos de expansão para outros países.

Seja parte de algo grande