Joint-ventures de VW e GM na China são investigadas por fraude

As joint-ventures Shanghai-Volkswagen e Shanghai-General Motors estão sendo investigadas pelo governo chinês por uso indevido de fundos de incentivo. De acordo com a imprensa local, o Escritório Nacional de Auditoria da China identificou que subsídios concedidos especialmente para promover a comercialização de veículos ecologicamente eficientes teriam sido usados para vender carros comuns.
Joint-ventures de VW e GM na China são investigadas por fraude
Os concessionários da Volkswagen teriam usado o incentivo no valor de 2,7 milhões de dólares para vender cerca de 5 mil carros, enquanto a GM aplicou o subsídio em aproximadamente 180. Consultadas, ambas as marcas declararam que seus revendedores entenderam mal o funcionamento do benefício e o aplicaram incorretamente.

Seja parte de algo grande