No Brasil em 2015, nova Nissan Frontier custa a partir de R$ 40 mil na Tailândia

Renovada por completo depois de aproximadamente oito anos no mercado, a picape Frontier, da Nissan, já começou a ser vendida na Tailândia. Conhecido por ser o principal centro de desenvolvimento de caminhonetes de porte médio (Triton, Hilux, S10 e Ranger foram em grande parte projetadas por lá), o país iniciou a produção do modelo há algumas semanas e já o tem disponível para reservas. Os preços começam em 575 mil baht (R$ 39.500) para as versões de cabine estendida e chegam a 656 mil baht (R$ 44.800) nas configurações de cabine dupla.
No Brasil em 2015, nova Nissan Frontier custa a partir de R$ 40 mil na Tailândia
Os primeiros exemplares, explica a Nissan, serão entregues a partir de agosto. Sob o capô, duas são as opções de motorização disponíveis. A de entrada é um 2.5 16V turbodiesel com potência de 170 cavalos e torque de 41,1 kgfm. O propulsor das versões mais caras é o mesmo 2.5, porém com potência ajustada para 190 cavalos e torque na casa dos 45,9 kgfm. O câmbio pode ser o manual de seis marchas ou automático de sete. Em média, de acordo com a Nissan, a picape está 11% mais econômica.
No Brasil em 2015, nova Nissan Frontier custa a partir de R$ 40 mil na Tailândia

No Brasil

A geração vendida no Brasil, já perdendo fôlego diante das concorrentes renovadas, não deve demorar para ser aposentada. A expectativa é que o modelo atual deixe de ser  produzido na fábrica de São José dos Pinhais, no Paraná, entre o fim de 2015 e o primeiro semestre de 2016, abrindo espaço para o novo. A aparição da novidade em outubro durante o Salão do Automóvel de São Paulo é bastante cogitada.

Seja parte de algo grande