Black Friday nos EUA: VW, Chevrolet e Ford dão descontos e facilidades

Nos Estados Unidos, a Black Friday funciona de verdade. Apesar do mercado automotivo não sofrer a mesma procura frenética como nos outros setores, as montadoras norte-americanas também aproveitam a onda de marketing gerada por esta ação concedendo alguns descontos.
Black Friday nos EUA: VW, Chevrolet e Ford dão descontos e facilidades
A Volkswagen, por exemplo, tenta conquistar novos compradores oferecendo condições diferenciadas no leasing e dando US$ 500 (R$ 1.160) de desconto para o Passat S, que tem preço inicial de US$ 20.845 (R$ 48.658) e Jetta S US$ 16.720 (R$ 39.020). Já a Chevrolet, é um pouco mais agressiva e dá descontos maiores. Um exemplo é o Malibu LS 2014 que tem redução de US$ 2.500 (R$ 5.830), reduzindo o valor de US$ 22.340 (R$ 52.148) para US$ 19.840 (R$ 46.312). O Cruze LS tem desconto menor, US$ 1.500 (R$ 3.500), sendo oferecido de US$ 18.754 (R$ 43.770) por US$ 17.254 (R$ 40.270).
Black Friday nos EUA: VW, Chevrolet e Ford dão descontos e facilidades
Os utilitários Equinox LS FWD e Traverse LS FWD também participam da ação. O primeiro tem desconto de US$ 1.000 (R$ 2.334), saindo ao preço de US$ 23.167 (R$ 54.078) enquanto o segundo recebe bônus de US$ 2.000 (R$ 4.668) sendo vendido por US$ 28.588 (R$ 66.732). Fugindo um pouco do convencional, a Ford não oferece desconto direto no preço, mas dará um cartão de crédito pré-pago de US$ 1.000 (R$ 2.334) na compra de qualquer modelo. De acordo com a marca, a estratégia é dar ao consumidor o valor para que ele compre o presente que quiser neste Natal. Aqui no Brasil, duas grandes montadoras entraram na onda da Black Friday oferecendo descontos. A Chevrolet promete R$ 10 mil de abatimento no preço da TrailBlazer (veja aqui) enquanto a Fiat dá mais de R$ 5 mil de redução no preço do Palio 1.6.

Seja parte de algo grande