Fusion 2015 fica mais equipado e perde opção de câmbio manual nos EUA

A Ford apresenta nesta semana nos Estados Unidos a linha 2015 do Fusion com importantes novidades. Um dos automóveis mais vendidos da marca no país e produzido tanto em solo estadunidense quanto mexicano, o sedã passa a sair de fábrica mais equipado e oferecendo novos pacotes de opcionais - dependendo da versão. Na mecânica a principal mudança acontece na dupla motor 1.6 EcoBoost + câmbio manual de seis marchas, que dá lugar a um bloco 1.5 EcoBoost associado a uma caixa automática.
Fusion 2015 fica mais equipado e perde opção de câmbio manual nos EUA
No quesito equipamentos, o Fusion 2015 ganha de série em todas as versões itens como câmera de ré e luzes diurnas de LED configuráveis. Além disso, o acabamento de entrada S, não oferecido no Brasil, passa a contar com rodas de liga leve de 16 polegadas (até então eram calotas). Por fim, os modelos SE e Titanium incorporam bancos com ajustes elétricos de até 10 posições e passam a oferecer o pacote opcionais Terracota, que inclui bancos em couro, rodas aro 18, tapetes premium, entre outros.
Fusion 2015 fica mais equipado e perde opção de câmbio manual nos EUA
Completando as mudanças, as versões SE Appearance e SE Luxury Package, quando equipadas com motor 2.0 EcoBoost, ganham opção de tração integral. À paleta de cores foram adicionadas novas tonalidades de cinza e bronze. Os preços começam em 23.250 dólares (cerca de R$ 51.650).

Seja parte de algo grande

Fusion 2015 fica mais equipado e perde opção de câmbio manual nos EUA

Foto de: Dyogo Fagundes