Garagem CARPLACE #8: up! se despede bom de crítica e ruim de público

De todos os carros que já passaram pelo Garagem CARPLACE, o up! foi, sem dúvidas, o que mais atraiu atenção e gerou discussão. Fechamos a participação do novo popular da Volks com nada menos que oito posts durante o mês de teste em que ele esteve entre nós, mais de 100 mil acessos e contagem de comentários acima de 2 mil. Avaliamos e medimos, com etanol e gasolina, as versões topo de linha high up! e de entrada take up! (15 dias cada). Pois agora o carrinho se despede deixando boa imagem na redação. A gente rodou bastante - foram mais de 2,5 mil km se somadas as duas versões - e gastou pouco, com a média de consumo chegando a 22 km/l na estrada, com gasolina, e não baixando de 10 km/l na cidade com etanol. Também foi possível verificar a diferença de desempenho entre o modelo completamente equipado e o basicão, sem ar-condicionado ou direção elétrica. A aceleração de 0 a 100 km/h melhorou de 14,8 s para 13,9 s, por exemplo, com o take up! se tornando o primeiro 1.0 aspirado a baixar da casa dos 14 s nesta prova desde que começamos a fazer nossas medições, no fim de 2012. O up! foi lançado em fevereiro com projeto inovador para a categoria de entrada. Segurança cinco estrelas, motor de última geração, construção refinada... Após um mês de uso, nós colhemos muitos elogios ao carro diante de sua proposta. O hatch se destaca pela modernidade, dirigibilidade, conforto, consumo e ainda nem lembra um 1.0 ao acelerar. Mas, aos olhos do público, parece que ele é um tanto pequeno pelo preço que é vendido - como mostram as críticas que recebemos do leitores. Na verdade, o up! é um carro que precisa ser conhecido e experimentado. Durante a estada dele no CARPLACE teve gente que o olhou com desconfiança no começo, mas depois de dirigi-lo deu o braço a torcer. Num ambiente urbano de cada vez mais trânsito e menos espaço, rodar com o up! é uma maravilha. Fácil de dirigir, tem desempenho mais que suficiente para a cidade, é super frugal e ainda cabe em qualquer vaga. Apesar das inegáveis qualidades, o novo VW ainda não decolou nas vendas. Pior: como o Gol teve de ficar mais caro para abrir lugar para o up!, acabou que o próprio Gol perdeu muitas vendas e despencou da liderança para o terceiro lugar no ranking de março, atrás de Strada e Palio. Tanto é que a gente até questionou no Garagem #5 se a Volkswagen não deveria ter mantido um Gol G5 pelado ao invés de trazer o up! ao Brasil. No fim, a impressão que fica do up! é de um carro muito bem visto pela crítica, mas nem tanto pelo público - como era o Ford Focus de primeira geração, lembra? Nós estamos ansiosos pelas cenas dos próximos capítulos, uma vez que o mercado anda bastante interessante com as recentes mudanças de posição. Certamente que, como produto, o novo VW merece vendas mais expressivas. Relembre a seguir a trajetória do up! no Garagem CARPLACE: 1. Um novo tipo de VW está nas ruas 2. Primeiro teste com gasolina 3. Dona de Fiat Uno avalia o up! 4. Ensaio urbano e teste com etanol 5. Sai high up!, chega take up!
Garagem CARPLACE #8: up! se despede bom de crítica e ruim de público
6. Seria melhor um Gol G5 básico do que o up!? 7. O moderno up! enfrenta o barato Palio Fire Fotos Rafael Munhoz e redação Em resumo Km inicial: 860 km (high up!) e 4.259 km (take up!) Km final: 2.128 km (high up!) e 5.559 km (take up!) Consumo médio Cidade: 10,2 km/l (etanol) - 13,5 km/l (gasolina) Estrada: 14,0 km/l (etanol) - 18,5 km/l (gasolina) Prolemas apresentados: nenhum Gostamos: dirigibilidade, desempenho, consumo Não gostamos: espaço traseiro, escassez de equipamentos de série

Seja parte de algo grande

Garagem CARPLACE #8: up! se despede bom de crítica e ruim de público

Foto de: Daniel Messeder