Mercado acumula queda de 8,5% e já tem 400 mil unidades em estoque

A situação do mercado brasileiro se agrava a cada dia e as perspectivas de recuperação previstas para depois da Copa do Mundo estão longe de se concretizar. Ao invés de crescer, como era esperado, o volume diário de comercialização diminuiu depois da realização do mundial: passou de 13,7 mil unidades para 12,4 mil exemplares. Conforme aponta a Fenabrave, as vendas no acumulado do ano estão 8,5% inferiores do que as registradas no mesmo período do ano passado. Só no mês de julho, já recuaram mais de 14,7%.
Mercado acumula queda de 8,5% e já tem 400 mil unidades em estoque
Falando ao portal Auto Data, Rogelio Goldfard, vice-presidente de Assuntos Corporativos da Ford América do Sul, afirmou que uma das grandes preocupações das montadoras é o nível elevado de unidades em estoque. De acordo com o executivo, atualmente há mais de 400 mil exemplares estocados à espera de novos clientes. O montante equivale a praticamente dois meses de vendas. Como medida de precaução, diversas marcas já anunciaram férias coletivas e diminuição do ritmo de produção.

Seja parte de algo grande