Fusão entre Fiat e VW seria brilhante, diz ex-executivo da Hyundai

Em entrevista concedida recentemente ao portal Automotive News, John Krafcik, ex-chefe da Hyundai na América do Norte, disse que enxerga com bons olhos uma provável fusão entre a FCA Fiat-Chysler e o grupo Volkswagen. De acordo com o executivo, a sinergia entre as empresas (cogitada no último mês de julho e logo desmentida pelas assessorias) poderia resultar em uma combinação extremamente brilhante do ponto de vista financeiro.
Fusão entre Fiat e VW seria brilhante, diz ex-executivo da Hyundai
Na concepção de Krafcik, as marcas poderia alcançar uma penetração maior no mercado por terem portfólios que se complementam. Nos Estados Unidos, por exemplo, a RAM é forte no segmento de picapes e comerciais, ao mesmo tempo em que a Jeep tem boa representatividade com utilitários. A Volkswagen, por outro lado, tem como ponto forte os modelos de entrada e diesel, além de contar com a boa imagem da Audi no nicho premium.
Fusão entre Fiat e VW seria brilhante, diz ex-executivo da Hyundai
Em julho, a revista alemã Manager Magazin levantou a possibilidade de as duas empresas se unirem. Na época, afirmou que a Volks estaria "explorando as chances de aquisição ou incorporação parcial do grupo ítalo-americano Fiat Chrysler (FCA)". As marcas, porém, desmentiram todas as especulações.

Seja parte de algo grande