"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve

Muito especulado pela imprensa local para ocupar o lugar do Linea em nosso mercado, o sedã médio Viaggio (irmão de plataforma do novo Dodge Dart) não vai dar as caras por aqui tão cedo. "Nossa prioridade são os modelos da fábrica de Pernambuco, e não há nenhum carro de passeio entre eles. Viaggio no Brasil é viagem", declara uma fonte ligada à Fiat.
"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve
De acordo com o informante, a linha de médios atual vai ter de sobreviver de reestilizações por mais um tempo. Foi assim com o Linea e o próximo da lista será o Bravo, que "receberá um facelift em breve", adianta a fonte. Será coisa leve, como grade, para-choques, faróis e desenho de rodas, além de mudanças pontuais no interior. O resultado pode ser uma das atrações da Fiat no Salão do Automóvel, no fim de outubro.
"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve
Como a própria Fiat já deixou claro, a aposta maior da empresa para 2015 será no Jeep Renegade. O jipinho, rival do EcoSport, será mostrado no Salão e chegará ao mercado em março do próximo ano às lojas. Terá versões 1.8 e 2.4, com câmbio manual de cinco marchas ou automático de nove velocidades, e opção de tração dianteira ou 4x4 (até com reduzida). Os preços irão de R$ 65 mil a R$ 95 mil.
"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve
Depois dele virão uma inédita picape média de cabine dupla e um SUV maior, na faixa dos R$ 100 mil, para substituir o Jeep Compass. A picape da Fiat terá porte um pouco inferior às atuais S10 e Ranger, inaugurando um sub-segmento por trazer, também, plataforma de carro de passeio com tração dianteira e motor transversal - o mesmo 2.4 do Renegade. Já o futuro Jeep deverá oferecer ainda uma versão para sete ocupantes. O ciclo destes lançamentos vai durar até 2016, e são eles os únicos produtos previstos para a fábrica pernambucana até o momento.
"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve
Só depois disso, então, é que a Fiat vai mexer em seus médios. "O Viaggio pode até vir para o Brasil no futuro, mas já numa próxima geração", complementa nosso informante. Portanto, os carros vistos em testes por aqui, assim como a minivan Fiat 500L e o Alfa Romeo 4C, não são necessariamente uma dica de que serão vendidos no país.

Seja parte de algo grande

"Viaggio no Brasil é viagem", diz informante ligado à Fiat; Bravo muda em breve

Foto de: Daniel Messeder