Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego

Após responder à Yamaha Fazer 150 com a CG 150 Titan equipada com freios combinados (CBS), a Honda agora reage ao lançamento da Crosser 150 com a nova NXR 160 Bros. O foco da evolução do modelo (que antes era 150 cc) baseou-se nos pilares conforto, segurança, performance e design. Ou seja, ela ganhou motor mais potente, uma roupa mais moderna e, segundo a Honda, manteve o mesmo nível de consumo de combustível.

O que é?

Visualmente, o modelo agora conta com design mais moderno e ousado, trazendo linhas marcantes que transmitem mais esportividade em relação à Bros 150, que deixará de ser comercializada - restando apenas a NXR 125 Bros ES como modelo de entrada. A nova NXR 160 Bros chega nas versões ESD e ESDD. Estranhou os dois "dês"? É que agora a pequena trail tem opção de freios a disco tanto na frente quanto atrás.
Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego
Para uma motocicleta de baixa cilindrada com proposta dupla, ou seja, capaz de rodar no asfalto e também se aventurar em terrenos mais acidentados, a nova Bros ficou mais apta ao desafio. O motor é completamente novo, de 162,7 cc arrefecido a ar, com injeção eletrônica bicombustível, entregando potência máxima de 14,5 cv a 8.500 rpm (gasolina) ou 14,7 cv (etanol) e torque de 1,46 kgfm a 5.500 rpm (gasolina) ou 1,60 kgfm a 5.500 rpm (etanol). O antigo propulsor de 149,2 cc dispunha de 14 cv a 8 mil rpm e 1,53 kgfm de torque a 6 mil giros. Apesar do motor maior, a Bros 160 ficou cerca de 1 kg mais leve que a antiga 150. Na comparação com o antigo motor, a Honda aumentou o curso do pistão em 5 mm, garantindo mais torque em baixas rotações, reduziu a altura do cabeçote e redesenhou o virabrequim, possibilitando o aumento da potência final. O novo motor 160 já está em conformidade com o Promot 4 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares), que passa a vigorar em janeiro de 2016, dando fortes indícios de que esse propulsor será utilizado pela CG já em 2015. O tanque de combustível, com capacidade para 12 litros, ganhou novas formas e agora inclui bomba de combustível interna. Na traseira, destaque para a rabeta com lanterna de lente dupla e efeito 3D, e para o escape, que foi reposicionado com maior ângulo de inclinação da ponteira.

Como anda?

Em relação à antecessora, a motinho on/off da Honda encara com mais tranquilidade ladeiras íngremes, seja no asfalto ou na terra. A Bros 160 apresenta melhor resposta do acelerador, entregando mais torque tanto em retomadas como em saídas do semáforo, mostrando que agilidade é seu ponto forte. O conforto de rodagem também é nitidamente superior ao da Bros 150. O chassi com quadro semiberço duplo em aço foi remodelado. Já a suspensão teve o ângulo de cáster alterado, mas traz o mesmo esquema de antes: garfos telescópicos na dianteira, com curso de 180 mm, e traseira do tipo monoamortecida, com curso de 125 mm e possibilidade de ajustes na pré-carga da mola. Os pneus são 90/90-19 (dianteiro) e 110/90-17 (traseiro).
Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego
A versão avaliada, NXR 160 Bros ESDD, com freio a disco nas duas rodas, se mostrou mais segura também no percurso de terra com areia, pedras e cascalhos que o modelo 2014. Com guidão mais alto e largo, a posição de pilotagem proporciona braços mais descansados. Outro destaque do conforto fica por conta do assento mais estreito e avançado sobre o tanque.
Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego
Outro ponto que melhorou muito em relação à Bros 150 foi o painel: integrado à nova carenagem dianteira e ao novo farol, temos agora um quadro de instrumentos digital, que aposentou o velho mostrador analógico. Há velocímetro, hodômetro total e parcial, marcador de combustível e luzes indicativas do funcionamento do sistema elétrico e mecânico, mas não apresenta indicador de marchas e conta-giros. Para compensar, o modelo possui corta-corrente no punho direito. Para quem vai andar na garupa, a nova moto possui alças novas e maiores, proporcionando mais firmeza para o passageiro.
Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego

Quanto custa?

Com a resposta rápida ao lançamento da Yamaha Crosser, que se destacou pelo design, a Honda mostra com a Bros 160 que não quer deixar espaço para a concorrência crescer. O lote inicial da nova Bros será composto pela versão ESDD e chega às revendas no começo de 2015, em fevereiro. A Honda oferece três anos de garantia, com óleo grátis em sete revisões. NXR 160 Bros ESD (com freio a disco na roda dianteira): R$ 9.350 NXR 160 Bros ESDD (disco de freio em ambas as rodas): R$ 9.650 (oferecida em ambas as versões nas cores vermelha, branca e preta) Por Alexandre Ciszewski, de São Roque (SP) Fotos: autor e divulgação Agradecimento à BR Motorsport pelo empréstimo do capacete LS2 e equipamentos Race Tech
Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego

Ficha técnica

Motor: OHC, monocilíndrico, 4 tempos, arrefecido a ar, 162,7cc, injeção eletrônica, bicombustível; Potência: 14,5 cv a 8.500 rpm (gasolina) e 14,7 cv a 8.500 rpm (etanol); Torque: 1,46 kgfm a 5.500 rpm (gasolina) e 1,60 kgfm a 5.500 rpm (etanol); Transmissão: câmbio de cinco marchas, transmissão por corrente; Quadro: Berço semiduplo; Suspensão: Garfo telescópico (180 mm de curso na dianteira) e Monochoque na traseira (150,3 mm de curso); Freios: disco na dianteira (240 mm) e na traseira 220 mm na versão ESDD e tambor (110 mm) na ESD (240 mm); Rodas:90/90 - 19M/C 52P na dianteira e 110/90 - 17M/C 60P na traseira; Peso: 120 kg (121 kg na ESDD); Capacidades: tanque 12 litros; Dimensões: comprimento 2.067 mm, largura 810 mm, altura 1.158 mm, altura do assento 842 mm, entre eixos 1.356 mm

Veja fotos da Honda NXR 160 Bros 2015:

Seja parte de algo grande

Volta Rápida: nova Honda NXR 160 Bros chega com mais fôlego