Volkswagen: aumento nas vendas globais e forte queda no Brasil e nos EUA

A Volkswagen anuncia nesta semana o balanço comercial de janeiro a julho com motivos para comemorar e, ao mesmo tempo, ficar um tanto mais atenta. Conforme apontam dados divulgados pela própria empresa, as vendas no período registraram aumento significativo em diversos mercados importantes, com crescimento global declarado de 4%. Os destaques positivos ficaram por conta da China (17,9% de aumento) e da Europa (expansão de 2,9%), mas números negativos também foram registrados - Brasil e Estados Unidos, por exemplo, recuaram substancialmente.
Volkswagen: aumento nas vendas globais e forte queda no Brasil e nos EUA
No balanço geral os números positivos de outros continentes superaram as vendas baixas das Américas, mas a desaceleração neste lado do planeta chama atenção. No mercado brasileiro, por exemplo, a Volks vendeu 15% menos carros do que no ano passado, sofrendo diretamente com o encolhimento da demanda interna. Nos Estados Unidos a situação se repetiu, com baixa de 13,6% nas entregas e algo em torno de 209,7 mil veículos vendidos. Na América do Sul os números são ainda piores: recuo de 20,1%.

Seja parte de algo grande

Volkswagen: aumento nas vendas globais e forte queda no Brasil e nos EUA

Foto de: Dyogo Fagundes