Carro de inadimplente pode ser retomado em até três meses com nova lei

Quem comprou carro financiado e estiver inadimplente com o banco pode ter o veículo retomado pela instituição em menos tempo graças a uma nova lei, que entrou em vigor na última sexta-feira (14). A nova regra desburocratiza o processo, que em muitos casos pode chegar até um ano e agora deve cair para três meses. De acordo com Luiz Moan, presidente da ANFAVEA, associação que reúne os fabricantes, a medida vai facilitar a recuperação do setor em 2015, podendo ter efeitos ainda neste fim de ano, ajudando a amenizar a queda no número de emplacamentos. Espera-se que os bancos diminuam as exigências na hora de conceder crédito ao consumidor e até mesmo reduzam os juros. Entidade que representa as concessionárias de veículos, a Fenabrave acredita que se trata de um forte estímulo e espera que os bancos aumentem em até 20% o volume de aprovações de crédito. Na prática, isso representaria algo em torno de 30 mil veículos a mais financiados por mês. A desburocratização elimina algumas fases do processo de recuperação com destaque para a possibilidade de alienação online dos bens do devedor, notificação por carta (antes era feita via cartório) e eliminação de etapas no processo judicial, entre outras medidas.

Seja parte de algo grande