Lada é a nova Dacia: marca russa mostra Vesta e X-Ray, derivados do Logan

Lada é a nova Dacia: marca russa mostra Vesta e X-Ray, derivados do Logan
Apresentados como estrelas da Lada na edição deste ano do Salão de Moscou, os conceito Vesta e X-Ray são tratados como a materialização do ambicioso plano de reformulação da marca. Com design assinado pelo britânico Steve Mattin (com passagens pela Mercedes-Benz e pela Volvo), os modelos inauguram a nova linguagem estética da companhia e devem chegar ao mercado em versões finais no ano que vem. Ambos os projetos estão sendo tocados em parceria com a Renault-Nissan.
Lada é a nova Dacia: marca russa mostra Vesta e X-Ray, derivados do Logan
De porte médio-compacto, o Vesta mede 4,35 metros de comprimento e 2,65 metros de distância entre os eixos. O visual chama atenção pelas linhas recortadas (especialmente os vincos presentes nas laterais) e volumes sensivelmente proporcionais. O caimento do teto é suave e integra de forma bastante harmônica o volume adicional da traseira. O interior também apresenta formas joviais, com destaque para a central multimídia no centro do painel e a manopla do câmbio automatizado. O X-Ray, por sua vez, apresenta as formas de um crossover de porte compacto para uso urbano. A plataforma é a mesma do Vesta e as medições se repetem: 4,35 metros de comprimento e 2,65 de entre-eixos. A expectativa é que a versão de produção seja apresentada no próximo ano, com as vendas sendo iniciadas na Rússia logo em seguida.
Lada é a nova Dacia: marca russa mostra Vesta e X-Ray, derivados do Logan
Ambos foram desenvolvidos sobre a plataforma B do grupo Renault-Nissan, base que também apoia modelos como o Logan, o Juke e o March. O grupo franco-japonês, inclusive, é quem controla a Avto-VAZ, que por sua vez é responsável pelas operações da Lada.

Seja parte de algo grande