Lexus descarta produção na China para não "arranhar" imagem de excelência

A Lexus parece não estar disposta a seguir montadoras de luxo tradicionais e investir em produção na China, como já fazem Audi, BMW e Mercedes. Em entrevista concedida recentemente à agência de notícias Reuters, Tokuo Fukuichi, chefão da marca, disse que a Lexus não pode se dar ao luxo de "arriscar" sua imagem em uma fabricação chinesa por receio de perder a fama de excelência e qualidade que vem sendo construída desde a criação da empresa.
Lexus descarta produção na China para não "arranhar" imagem de excelência
"As três alemãs têm uma imagem forte que foi construída ao longo de sua história, mas diferente delas a Lexus ainda não está completamente firmada na mente das pessoas", disse Fukuichi. Para o executivo, quaisquer problemas de qualidade ou defeito de fabricação fariam com que o cliente deixasse a marca. "Quem procura um Lexus procura qualidade. Devemos prezar por isso", concluiu.
Lexus descarta produção na China para não "arranhar" imagem de excelência
Atualmente, praticamente toda a produção da Lexus é concentrada no Japão. Apenas o Canadá produz o crossover RX e a partir de 2015 uma fábrica será erguida nos Estados Unidos.

Seja parte de algo grande