Carros híbridos têm Imposto de Importação reduzido para valores entre zero e 7%

Em nota publicada no Diário Oficial da União, o governo oficializa a redução do Imposto de Importação para veículos híbridos. Com base na medida, a taxação sobre os modelos ecológicos vindos de fora cai de 35% para valores entre zero e 7% até 31 de dezembro de 2015. A decisão partiu da Câmara de Comércio Exterior (Camex), que tem relação direta com o Ministério da Indústria e Comércio Exterior. Dessa forma, os veículos passam a integrar a Lista Brasileira de Exceções à Tarifa Externa Comum, Letec.
Carros híbridos têm Imposto de Importação reduzido para valores entre zero e 7%
De acordo com as diretrizes da medida, estão incluídos na redução da alíquota os automóveis sem tecnologia de recarga externa, de cilindrada entre 1.0 e 1.5, com capacidade para até seis passageiros, incluindo o motorista, cuja redução de imposto vai de 35% para zero, 2%, 4%, 5% e 7%, dependendo do ex-tarifário a ser enquadrado. Veículos híbridos com cilindrada superior a 1.5 e inferior a 3.0 também foram beneficiados. Os modelos serão enquadrados no ex-tarifário correspondente a partir de seu nível de eficiência energética.
Carros híbridos têm Imposto de Importação reduzido para valores entre zero e 7%
A Camex explica que redução de imposto faz parte de um conjunto de medidas necessárias para a criação de um mercado e atração de investimentos para a produção nacional de veículos que usem novas tecnologias de propulsão. Além disso, a medida reflete a aceitação de um pleito da Anfavea, associação das montadoras instaladas no país, que em julho de 2013 entregou ao governo um pedido de isenções de impostos para alavancar no Brasil as tecnologias alternativas de propulsão, com foco na redução de emissões.

Seja parte de algo grande